Defesa pede absolvição de João Vaccari Neto em ação penal da Lava Jato

Defesa pede absolvição de João Vaccari Neto.
Defesa pede absolvição de João Vaccari Neto.
Defesa pede absolvição de João Vaccari Neto.
Defesa pede absolvição de João Vaccari Neto.

A defesa do ex-tesoureiro do PT João Vaccari Neto pediu a absolvição do seu cliente na ação penal decorrente da 17ª fase da Operação Lava Jato, batizada de Pixuleco. O pedido foi feito nas alegações finais entregues pelos advogados à Justiça Federal no Paraná.

Nas alegações, protocoladas na terça-feira (19/04/2016), a defesa de Vaccari diz que não há provas contra ele. “Muito embora a acusação pleiteie a condenação do acusado Sr. Vaccari, não existem nos autos provas que justifiquem a tese acusatória, devendo o acusado ser absolvido das acusações que lhe são impostas, diante dos elementos colhidos neste feito, que demonstram ser o acusado inocente.”

No último dia 7, o Ministério Público Federal (MPF) também entregou as alegações finais e pediu à Justiça Federal no Paraná a condenação de Vaccari, do ex-ministro José Dirceu, e de mais 13 réus da ação penal da Pixuleco. No pedido, o MPF acusa Vaccari do crime de corrupção passiva.

Os advogados dizem que nenhuma prova foi encontrada que demonstrasse algo contra Vaccari, e que as acusações feitas se baseiam apenas em delações. “O Ministério Público Federal imputa ao acusado a conduta de ter participado de empreitada criminosa, baseando-se apenas nas precárias informações conseguidas por meio de delações premiadas e, mesmo assim, extremamente frágeis e carentes de demonstração fática, pois nada, absolutamente nada, corroborou tais delações, quando se referem desfavoravelmente ao acusado.”

Além de Vaccari Neto e do ex-ministro José Dirceu, na mesma ação penal são réus Júlio Camargo, Pedro Barusco, Olavo Hourneaux de Moura Filho, Luiz Eduardo de Oliveira e Silva, Roberto Marques, Julio César Dos Santos, Renato Duque, Pedro Barusco, Gerson Almada, Cristiano Kok, José Antunes Sobrinho, Milton Pascowitch e José Adolfo Pascowitch. A denúncia contra eles foi aceita pelo juiz federal Sérgio Moro em setembro do ano passado.

*Com informação da Agência Brasil.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 112835 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]