Padroeira da Bahia recebe homenagens

Festa de Nossa Senhora da Conceição da Praia.
Festa de Nossa Senhora da Conceição da Praia.
Festa de Nossa Senhora da Conceição da Praia.
Festa de Nossa Senhora da Conceição da Praia.

Tradição secular, que acontece há mais de 400 anos, a festa em louvor a Nossa Senhora da Conceição da Praia, Padroeira da Bahia, é realizada em Salvador, hoje (08/12/2015), sob o tema ‘Nossa Senhora da Conceição da Praia nos aponta: Jesus Cristo, o rosto da misericórdia do Pai’.

As homenagens se concentram na Basílica Santuário Nossa Senhora da Conceição da Praia, no bairro do Comércio, e dão seguimento ao calendário de festas populares do Estado, iniciado na última sexta-feira (4), com a Festa de Santa Bárbara.

Nesta terça-feira, enquanto fieis católicos celebram a Imaculada Conceição, Mãe de Jesus, adeptos do candomblé se vestem de amarelo para homenagear Oxum, rainha das águas doces, orixá da beleza e do amor, com quem a santa faz sincretismo nas religiões de matriz africana.

O novenário preparatório para o grande dia, que teve início no dia 29/11 (domingo), segue até esta segunda-feira (7/12), sempre às 19h30. No dia dedicado à Padroeira da Bahia, baianos e turistas podem saudar a grande homenageada participando da programação, cujo ponto alto é uma procissão, às 10h30. O cortejo toma as ruas do Comércio, até a Conde dos Arcos, e retorna pela Avenida da França até a Basílica.

A primeira missa do dia é rezada às 5h. Em seguida, as celebrações se sucedem às 6h, 7h e 9h, com a missa solene sendo presidida pelo arcebispo de Salvador e Primaz do Brasil, dom Murilo Krieger. Às 12h30, uma missa fecha as celebrações na parte da manhã. À tarde, acontecem celebrações às 14h e 15h30. Às 18h, a programação religiosa é encerrada com a Missa da Amizade. Nas imediações do Mercado Modelo, barracas de comidas típicas e bebidas e música dão o tom da parte profana da festa.

História

A devoção a Nossa Senhora da Conceição remete à própria origem de Salvador, pois a imagem da santa foi trazida por Tomé de Sousa. Foi o primeiro governador-geral do Brasil quem mandou construir uma igreja de taipa em louvor a Nossa Senhora da Conceição, a fim de colocar ali a imagem da virgem que ele havia trazido de Portugal.

As pedras com as quais foi construída a atual igreja, elevada à categoria de basílica em 1946, foram todas trazidas de Portugal. No ano de 1938, o conjunto da Conceição da Praia foi tombado como patrimônio pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). No ano de 2010, o cardeal dom Geraldo Majella Agnelo elevou a igreja ao status de Santuário Mariano Arquidiocesano.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 115123 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.