BRT é debatido na Câmara Municipal de Feira de Santana

Beldes Ramos: “Ela fez uma exposição sobre o BRT, falando de forma técnica, longe da cor partidária e da política”.

Beldes Ramos: “Ela fez uma exposição sobre o BRT, falando de forma técnica, longe da cor partidária e da política”.

Beldes Ramos retoma debate sobre BRT

Durante seu discurso nesta quarta-feira (16/09/2015), na sessão itinerante da Câmara Municipal de Feira de Santana, no distrito de Humildes, na Escola Municipal Geraldo Dias de Souza, o vereador Beldes Ramos (PT) voltou a falar sobre as obras do BRT, ressaltando a importância do debate com a população. Ele destacou a importância do Legislativo se aproximar do povo, que precisa avaliar e discernir quem merece continuar ou não na próxima legislatura.

O petista chamou atenção para um seminário realizado ontem (15), para tratar de mobilidade urbana em Feira de Santana, com ênfase no BRT. “Trago de novo o debate porque ainda é uma obra de muita discussão. Quero, através da Comissão de Obras, fazer uma solicitação para convidar a engenheira Fátima Silva para ir à Câmara. “Ela fez uma exposição sobre o BRT, falando de forma técnica, longe da cor partidária e da política”, pontuou.

Beldes lembrou que seus discursos não são contrários ao projeto, mas sim da forma como o mesmo foi proposto e vem sendo realizado. “Mesmo com as obras já iniciadas acho salutar o debate, para que possamos conhecer melhor como será instalado o BRT e como estará contribuindo para a população”, afirmou, ressaltando que o debate evitará o que aconteceu com o Sistema Integrado de Transporte.

Correia Zezito comenta sobre o BRT

Em pronunciamento na sessão ordinária da Casa da Cidadania, ocorrida na Escola Municipal Geraldo Dias de Souza, no distrito de Humildes, na manhã desta quarta-feira (16), o vereador Correia Zezito (PTB) agradeceu a Deus e externou sua alegria em poder participar de uma sessão itinerante na localidade onde nasceu sua genitora e alguns familiares.

“Fico feliz em estar aqui hoje representando a família Pereira, que é a família da minha mãe, lá de Pau Seco, onde tenho vários primos”, disse o edil, comemorando também os 40 votos que obteve no distrito de Humildes, na última eleição.

Na oportunidade, Correia teceu elogios ao deputado estadual Carlos Geilson (PTN). “Mesmo sem a máquina da saúde na mão, ele foi bem votado aqui no distrito. Eu sou representante do deputado Carlos Geilson, e ele é um parlamentar que tem feito muitas coisas e vem lutando também junto ao Governo do Estado para fazer aqui em Humildes um hospital, que vocês tanto merecem e precisam”, afirmou.

Em seguida, o vereador se pronunciou a respeito das críticas ao projeto do Sistema Rápido de Transporte por Ônibus de Feira de Santana. Para ele, a oposição está protestando contra o BRT porque tem “medo que esse transporte dê certo e Ronaldo saia pra galera”, impossibilitando assim a eleição de outro candidato a prefeito.

 Isaias pede pedir o apoio do papa para tentar impedir o BRT de Feira

Mudando de foco, Isaías informou que, hoje pela manhã, acompanhou o programa Acorda Cidade, da Rádio Sociedade, onde foi abordado, “mais uma vez, o capítulo da novela BRT”.

Isaías disse que não consegue compreender o apelo da oposição para tentar “barrar” o progresso de Feira de Santana. “Eu acredito que o próximo passo que esse pessoal deve dar é ir até ao Vaticano pedir a intervenção do papa para que venha impedir o BRT. Mas, isso não vai acontecer, porque o papa tem sim compromisso com a cidade de Feira de Santana, tem compromisso com o Brasil, e não vai atender ao pedido desse pessoal que quer impedir o crescimento do nosso município”, afirmou.

Sem revelar o nome, o edil informou que, no dia de hoje, foi “um cidadão para Brasília tentar, mais uma vez, desarticular o progresso, tentar impedir que o BRT venha a ser instalado em Feira de Santana”, lamentou.

Eli Ribeiro rebate críticas de oposição ao BRT

“Fico a observar a bancada de oposição que vira e mexe volta ao debate sobre BRT. Li no jornal A Tarde que Salvador não terá condições de ter o projeto, porque segundo o senador Otto Alencar o Governo Federal não tem condições de repassar os recursos”. A declaração é do vereador Eli Ribeiro (PRP), feita nesta quarta-feira (16), no distrito de Humildes, durante sessão itinerante realizada na Escola Municipal Geraldo Dias de Souza. O objetivo foi rebater as críticas da oposição.

O vereador disse que diante de tal situação, o prefeito José Ronaldo tem que ser parabenizado porque saiu na frente e vai implantar o BRT. “Quando se tem uma construção ou um projeto de grande natureza, claro que muitas pessoas não são favoráveis”, afirmou Eli Ribeiro, reafirmando que se o BRT fosse iniciado agora o país não teria condições de gerar e trazer essa verba para Feira de Santana.

O vereador citou o trabalho social realizado no distrito, em especial pela Associação Cristã Beneficente Nossa Senhora dos Humildes. “Além do trabalho da igreja, nós temos o trabalho social e o vereador é de toda a Feira de Santana e portanto de Humildes, que pode ficar agradecido pelo empenho dos vereadores que lutam por este distrito que é o maior da Princesa do Sertão”, salientou.

Lulinha defende BRT e rebate críticas da oposição

O BRT voltou a ser assunto do discurso do vereador Luiz Augusto de Jesus, o Lulinha (PEN), durante a sessão itinerante no distrito de Humildes, na Escola Municipal Geraldo Dias de Souza, nesta quarta-feira (16). Para o mesmo, o projeto trará o progresso para a cidade, que nesta sexta-feira (18) completa 182 anos de emancipação política.

“Ao invés de pedir o embargo da obra, a oposição deveria lutar por uma melhor segurança pública, bem como a construção de um novo hospital geral para atender a população de Humildes e toda a Feira de Santana”, sugeriu, lamentando esta forma de fazer política, “tentando prejudicar, atrasar a obra e o desenvolvimento dessa terra”. Lulinha disse que é preciso fazer calçadas, pois na estrada do Limoeiro ao Fulô fizeram o asfalto, mas não fizeram passeios e garantir segurança para população.

O vereador contou que durante a madrugada os moradores do bairro Conceição foram acordados com um tiroteio. “É preciso prestar atenção nessas questões ao invés de tentar prejudicar um projeto que já foi aprovado, que autoridades como o governador do Estado, Rui Costa, e o ministro das Cidades, Gilberto Kassab, estiveram na cidade para iniciar as obras”, destacou.

Compartilhe e Comente

Publicidade

Publicidade



Publicidade

Facebook do JGB

+ Publicações >>>>>>>>>

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]