Em nota, trabalhadores da Cerb realizam protesto no Cab em Salvador

Funcionários da Cerb promovem protesto em Salvador.
Funcionários da Cerb promovem protesto em Salvador.
Funcionários da Cerb promovem protesto em Salvador.
Funcionários da Cerb promovem protesto em Salvador.

Em nota emitida hoje (16/07/2015), os representantes dos trabalhadores da Companhia de Engenharia Hídrica e de Saneamento da Bahia (Cerb) informam sobre passeata a ser realizada no Centro Administrativo da Bahia (CAB), em Salvador, na sexta-feira (17/07). Segundo movimento grevista, a atividade é em decorrência de dificuldades de negociação trabalhista com a direção do órgão e o governo do estado.

Confira o teor da nota

Trabalhadores da Cerb farão passeata nesta sexta no Cab

Cumprindo decisão tomada em assembleia, os trabalhadores da Cerb de Salvador e Feira de Santana farão uma passeata conjunta nesta sexta (dia 17), a partir das 10:30 horas, entre a sede da empresa e a Governadoria. É mais um protesto contra a intransigência da Cerb e do governo, que não avançam nas negociações do acordo coletivo de trabalho deste ano. Os empregados estão em greve há 11 dias consecutivos.

O Sindicato já pediu audiência ao governador Rui Costa, ainda nesta sexta (17), em mais uma tentativa de superar o impasse. A Cerb não avança nas negociações e informa não ter outra proposta a não ser a que apresentou desde o início das reuniões com o Sindicato e que foi rejeitada pela categoria (reajuste salarial de 8,17%, divididos em duas parcelas, e mantendo “congelados” benefícios como tíquete refeição e diárias). A proposta não repõe as perdas provocadas pela inflação que, conforme o INPC-IBGE, foi de 8,34%.

Em outra frente de atuação, o Sindicato pediu e teve marcada audiência de mediação com a Cerb junto ao Ministério Público do Trabalho para a próxima quarta-feira (22), às 13 horas, na sede daquele órgão.

 

Carlos Augusto
Sobre Carlos Augusto 9382 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).