Candeias: situação de emergência obriga prefeito a reduz o próprio salário

Prefeito Francisco Silva Conceição reduz salário em decorrência da crise.
Prefeito Francisco Silva Conceição reduz salário em decorrência da crise.
Prefeito Francisco Silva Conceição reduz salário em decorrência da crise.
Prefeito Francisco Silva Conceição reduz salário em decorrência da crise.

Na manhã desta sexta-feira (10/07/2015) a Câmara dos Vereadores de Candeias, região metropolitana de Salvador, aprovou o Projeto de 016/15 que reduz o salário do Prefeito, do Vice-Prefeito e dos Secretários municipais em 20%. “Essa é mais uma ação para reduzir custos e atravessar esse momento de crise, além de focar os recursos municipais na tentativa de devolver a normalidade aos moradores da nossa cidade ,que ainda sofrem com os danos causados pelas chuvas que ainda castigam Candeias”, afirmou o Prefeito, Sargento Francisco.

Outra decisão importante para reduzir os gastos do município foi dada no Decreto Nº 030/2015, publicado no Diário Oficial no dia 8 de junho. O citado Decreto estabeleceu medidas de racionalização, controle orçamentário de contenção de despesas, incluindo a suspensão temporária de eventos oficiais ou de apoio financeiro institucional, pagamento de horas extras ou suplementares e pagamento de gratificações. Considerando que a cidade ainda atravessa por dificuldades, as chuvas não cessaram e a vinda de recursos por parte do Estado e da União ainda estão em tramitação o Executivo vai prorrogar a Situação de Emergência por mais 90 dias.

Considerando a atual situação financeira de Candeias, o prefeito Sargento Francisco encaminhou para a Câmara de Vereadores, no dia 29 de junho, o Projeto de Lei Nº 016/2015, que visa reduzir a remuneração do prefeito, vice-prefeito, secretários municipais, chefe de gabinete do prefeito, procurador jurídico e controlador geral do município em 20%. De acordo com o Projeto, a redução valerá a partir do dia 1º de julho de 2015 e se estenderá até o dia 31 de dezembro de 2015.

“Todos sabem que a situação econômica que o país enfrenta não é boa e em Candeias não é diferente. Os repasses diminuíram e despesas aumentaram. É bom lembrar que procuramos atender todas as reivindicações dos servidores, concedendo reajustes periódicos, pagamento de adicional, dentre outros que deixaram a folha de pagamento de pessoal mais pesada no orçamento. Então, este é um momento que é necessário tomar algumas medidas para garantir a continuidade do serviço público. Tivemos que reduzir o valor de alguns contratos, deixar de fechar outros, cortar a gratificação dos servidores e, como houve essa redução nos vencimentos dos servidores em geral, propomos também “cortar na carne”, reduzindo também a remuneração dos cargos mais altos,” explicou o Prefeito.

É importante ressaltar que em 12 de abril deste ano, o prefeito de Candeias decretou Situação de Emergência por conta das fortes chuvas que causaram danos em diversas áreas da cidade e no dia 17 de abril o governador Rui Costa reconheceu os danos e decretou a mesma situação. O Governo Federal também reconheceu a situação de emergência.

De acordo com o Projeto, a redução valerá a partir do dia 1º de julho de 2015 e se estenderá até o dia 31 de dezembro de 2015.

Redação do Jornal Grande Bahia
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 106596 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]