Vereador anuncia paralisação dos rodoviários de Feira de Santana

Vereador Alberto Nery anuncia paralisação dos rodoviários em Feira de Santana.
Vereador Alberto Nery anuncia paralisação dos rodoviários em Feira de Santana.
Vereador Alberto Nery anuncia paralisação dos rodoviários em Feira de Santana.
Vereador Alberto Nery anuncia paralisação dos rodoviários em Feira de Santana.

O vereador e presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviário de Feira de Santana (Sintrafs), Alberto Nery (PT), apresentou na manhã desta segunda-feira (18/05/2015) os motivos que levaram a categoria a deflagrar uma greve no serviço de transporte público da cidade. O movimento é legal e será iniciado no próximo dia 21.

Durante sessão na Câmara de Vereadores, Nery afirmou que o sindicato reivindica junto às empresas ajuste salarial e melhores condições de trabalho há 3 meses, mas não obtém sucesso. “Desde o mês de março estamos em negociação coletiva com a classe patronal que vem declarando veementemente que não irá atender nossa reivindicações”, contou.

Nery também questionou as empresas sobre o aporte financeiro, resultado do reajuste de R$ 0,35 concedido pela prefeitura em 2015.  “Quando a prefeitura reduziu a tarifa em R$0,15, as empresas alegaram ter um prejuízo de R$ 600.000,00. Com o aumento, houve uma media de R$ 1.300.000,00 de incremento na receita das empresas. Mesmo assim eles não querem conceder um reajuste à classe trabalhadora. Como não é possível conceder o aumento?”, alertou o vereador que também lembrou de problemas constantes vividos pela categoria como atrasos salariais e no pagamento do plano de saúde, vale alimentação, entre outros.

Ainda de acordo com o presidente do Sintrafs, o Ministério Público do Trabalho também será acionado para intervir na situação. “Com a greve, quem mais sofre é a população carente, os trabalhadores que precisam do transporte público pra se locomoverem. Mas os empresários do transporte não querem conceder nem o aumento da inflação. Em Salvador é muito provável que não haja greve, pois houve avanço na negociação e a classe patronal reconheceu a inflação e o reajuste. Até esse final de semana eles já tinham chegado ao percentual de 9,34% de aumento. Aqui em Feira nós estamos abertos a negociação, para evitar a greve, mas não podemos deixar de garantir o direito do trabalhador”, finalizou.

Redação do Jornal Grande Bahia
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 106729 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]