Padre diz que na Câmara Municipal de Feira de Santana existem 21 ladrões; Vereadores protestam

Vereador David Neto critica declaração do padre José Rodrigues.Vereador David Neto critica declaração do padre José Rodrigues.


O vereador David Neto (PTN), em discurso na tribuna da Casa Legislativa, nesta segunda-feira (18/05/2015), fez críticas ao padre José Rodrigues, que teria maculado a imagem da Câmara Municipal de Feira de Santana, durante uma missa ocorrida na última quinta-feira (14).

“Sou católico, mas também frequento muito igrejas evangélicas. Não condeno religião nenhuma, mas esta semana fiquei surpreso com uma situação que tive conhecimento: de que um padre na Igreja Senhor dos Passos teria afirmado que a Câmara tinha 21 ladrões”, lamentou.

David avaliou que isto foi um despreparo do eclesiástico. “Acredito que seja um padre despreparado. Eu pergunto se este é um homem de Deus? Inclusive, ligaram para mim assustados, um homem de Deus que ama o próximo agir assim?”, questionou.

Em aparte, a vereadora Cíntia Machado (PSC) disse que a declaração do padre cabe uma ação judicial. “Se tivermos testemunhas, nós podemos entrar com uma ação coletiva”, afirmou a corregedora da Câmara.

David afirmou que é preciso perdoar e que não seria necessária ação judicial, mas sugeriu uma moção. “Acho que temos que aprender a perdoar e dar esta lição, pois se entrarmos com uma ação, nós estaremos fazendo isso contra a Igreja Católica. Mas, eu acho que deveria ser feita uma moção de repúdio pelo que ele falou”, disse.

Marcos Lima fica perplexo com declaração de padre na Igreja Senhor dos Passos

A declaração do padre José Rodrigues durante uma missa na Igreja Senhor dos Passos, de que na Câmara Municipal havia 21 ladrões, repercutida pelo vereador David Neto (PTN), na sessão legislativa desta segunda-feira (18), causou indignação e perplexidade aos edis, entre eles, Marcos Lima (PRP), que afirmou que nunca viu coisa parecida em Feira de Santana.

Em consonância com alguns vereadores, Marcos Lima sugeriu que a Câmara Municipal comunicasse o fato ao arcebispo metropolitano de Feira de Santana, Dom Itamar Vian, “que é um homem que tem um bom relacionamento com os vereadores desta Casa, sejam católicos ou evangélicos. Eu nunca vi acontecer isso em Feira de Santana: um padre que representa uma comunidade fazer isso! Infelizmente, foi um momento infeliz e acreditamos que, com certeza, ele vai se retratar”, pontuou.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Redação do Jornal Grande Bahia
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]