Matéria de Lauro Jardim aponta para grave indício de ilegalidade de R$ 120 mil praticada pelo deputado José Carlos Aleluia

Deputado José Carlos Aleluia recebe recurso público com grave indício de ilegalidade.Deputado José Carlos Aleluia recebe recurso público com grave indício de ilegalidade.


Uma nota do jornalista Lauro Jardim, publicada no sábado (09/05/2015) na coluna Radar on-line da Redvista Veja, com título ‘O benfeitor’, aponta para o fato do deputado federal José Carlos Aleluia (DEM/BA) ter recebido recurso da ordem de R$ 120.630 mil referente a ressarcimento de uma cirurgia realizada no mês de dezembro de 2014. Período em que José Carlos Aleluia não atuava como deputado. Observa-se que a posse, na condição de deputado federal, apenas ocorreu em fevereiro de 2015.

Além da suspeita sobre o elevado valor da super-cirurgia realizada no deputado, existe suspeita de que o recurso financeiro tenha sido uma forma de retribuição praticada pelo presidente da Câmara Federal, Eduardo Cunha. Aleluia foi um dos articuladores da eleição de Eduardo Cunha para presidência do legislativo.

Aleluia inaugura a era do ‘mensalinho da saúde’. Com a palavra o Ministério Público Federal.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Redação do Jornal Grande Bahia
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]