Ex-deputado Cândido Vaccarrezza concede entrevista a Tveja e critica presidenta Dilma Rousseff

Inquéritos apuram o possível envolvimento de Cândido Elpidio de Souza Vaccarezza em atos de corrupção na Petrobras.
Inquéritos apuram o possível envolvimento de Cândido Elpidio de Souza Vaccarezza em atos de corrupção na Petrobras.
Inquéritos apuram o possível envolvimento de Cândido Elpidio de Souza Vaccarezza em atos de corrupção na Petrobras.
Inquéritos apuram o possível envolvimento de Cândido Elpidio de Souza Vaccarezza em atos de corrupção na Petrobras.

Em entrevista concedida hoje (18/05/2015) a Joice Hasselmann da Tveja, o ex-deputado Cândido Vaccarrezza comentou sobre os três inquéritos em que configura como investigado por possível envolvimento em atos de corrupção no esquema da Petrobras, identificado pela Operação Lava Jato.

Ele também avaliou o governo Rousseff de forma débil. Afirmando que a presidenta Dilma Rousseff comete inúmeros erros.

O ex-deputado proferiu, durante a entrevista, frases emblemáticas:

– O PT deixou de discutir política e nós últimos seis anos o PT foi enveredando em uma linha para se tornar em uma ONG (Organização Não Governamental).

– O PT passa por uma crise profunda.

– Lula não me conhece. Mas, eu conheço bastante Lula.

Em outro trecho da entrevista, Vacarreza diz que pretende conduzir uma consultoria. Sem revelar em que setor, e nem de que maneira pretende atuar. Ele também afirma que possui uma construtora, e que no momento encontra-se de férias na condição de trabalhador da área de saúde.

Ao final da entrevista, Vaccarezza revelou que pretende continuar na política, e que em 2018 vai candidatar-se à deputado federal.

Tenso e desleal

A entrevista concedida pela decadente estrela do petismo nacional pode ser classificada como tensa e desleal para com o grupo que serviu por considerável tempo.

Leia +

Em vídeo, Alberto Yousseff revela que entregou propina ao ex-deputado federal Cândido Vaccarezza

Lava Jato: PGR grafa errado nome de Cândido Vaccarezza nas petições

Cândido Vaccarezza saí da liderança do governo na Câmara Federal por determinação da presidenta Dilma Rousseff

Sobre Carlos Augusto 9449 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).