Chefe da Unrwa visita o Brasil em reconhecimento à “crescente parceria”

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Pierre Krähenbühl.
Pierre Krähenbühl.
Pierre Krähenbühl.
Pierre Krähenbühl.

País é o primeiro latino-americano a se juntar ao Comitê Consultivo da agência da ONU; admissão foi em dezembro de 2014; contribuição brasileira no ano passado foi de US$ 9,2 milhões em arroz para refugiados.

O comissário-geral da Agência das Nações Unidas de Assistência aos Refugiados Palestinos, Unrwa, está fazendo sua primeira visita oficial ao Brasil para ressaltar a “importância da crescente parceria” entre a agência e o país.

Pierre Krähenbühl se reuniu com o ministro das Relações Exteriores, Mauro Vieira, e integrantes do Congresso, entre outros, em Brasília. Ele também se encontrou com o secretário de Direitos Humanos de São Paulo, Eduardo Suplicy, e representantes do setor privado.

Longa Jornada

Em Brasília, ele lançou ainda a exibição “Longa Jornada” no Museu da República, com fotos de arquivo da Unrwa.

Segundo a agência, a relação com o Brasil cresceu “de forma notável” nos últimos anos, culminando com a admissão do país ao Comitê Consultivo da Unrwa em dezembro de 2014.

O Brasil é o primeiro Estado latino-americano a fazer parte desta comissão.

Contribuição

De acordo com Krähenbühl, é “essencial para a Unrwa fortalecer ainda mais a relação com o Brasil”.

Ele agradeceu o interesse do país. O chefe da agência disse ainda que, tendo em vista “a crescente agitação no Oriente Médio e a crise enfrentada por refugiados palestinos, a parceria com o Brasil oferece novas oportunidades de apoio em termos diplomáticos e financeiros”.

O Brasil contribuiu com US$ 9,2 milhões, o equivalente a cerca R$ 28 milhões, para a Unrwa no ano passado. A doação foi em forma de arroz para refugiados em situação vulnerável e, também, de insegurança alimentar.

*Com informação da Rádio ONU em Nova York.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 113710 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]