“Região Metropolitana de Feira de Santana pode perder investimentos”, alerta deputado Carlos Geilson

Deputado Carlos Geilson critica falta de regulamentação da RMFS.
Deputado Carlos Geilson critica falta de regulamentação da RMFS.

“Ou o governo do estado agiliza de uma vez por todas a concretização da Região Metropolitana de Feira de Santana (RMFS), ou poderão ocorrer prejuízos com a falta de investimentos em saneamento, habitação e mobilidade urbana”, alerta deputado estadual Carlos Geilson. Ele se baseia no fato de que o Estatuto da Metrópole, que integrará as políticas setoriais de desenvolvimento urbano nas regiões metropolitanas, exige a criação do Plano de Desenvolvimento Urbano Integrado (PDUI).

O estatuto foi instituído recentemente pela Presidência da República e o plano deverá estar pronto num prazo que termina em janeiro de 2018, ou seja, cerca de dois anos e meio. “Um plano desses é muito complexo, não pode ser feito da noite para o dia, tanto que o Ministério das Cidades deu todo esse prazo”, salienta o parlamentar.

O deputado lembra que a Região Metropolitana de Feira de Santana foi aprovada pela Assembleia Legislativa em junho de 2011, ou há mais de três anos e meio. “O governador Rui Costa precisa tirar a criação do papel, pois já temos mais essa etapa importante, que é a elaboração do PDUI, pois do contrário aumentaremos mais ainda a impossibilidade de conseguirmos recursos federais para o desenvolvimento da região”, frisa Carlos Geilson.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 110917 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]