Prefeitura de Feira de Santana promove reunião com ambulantes sobre o Shopping Popular

Ambulantes debatem construção do Shopping Popular proposto pela Prefeitura de Feira de Santana.

Ambulantes debatem construção do Shopping Popular proposto pela Prefeitura de Feira de Santana.

Camelôs e vendedores ambulantes que atuam no centro comercial de Feira de Santana reuniram-se com o Governo Municipal na noite desta quinta-feira (05/03/2015) para debater questões sobre o Shopping Popular. Presente no evento, realizado no auditório da Euterpe Feirense, o deputado estadual Carlos Geilson considerou o encontro proveitoso.

“A reunião foi importante para que os questionamentos dos ambulantes e camelôs tivessem respostas. Conforme anunciado, os próximos encontros serão realizados com segmentos específicos. Quem negocia com relógio tem uma dinâmica de trabalho diferente de quem negocia com roupas, por exemplo. Ouvir todos os setores é de grande valor para o sucesso do Shopping Popular”, pontua o deputado.

A setorização das próximas reuniões foi anunciada pelo idealizador do projeto e representante da Uai Shopping (Unidade de Ambulantes Integrados), Elias Tergilene. No encontro o empresário esclareceu dúvidas dos presentes sobre o Shopping Popular.

O relojoeiro Valter Oliveira, que atua na rua Sales Barbosa, questionou sobre o início e prazo para conclusão da obra. Tergilene informou que primeiro uma licitação vai ser realizada para definir qual empresa vai construir o empreendimento e que o prazo para entrega do shopping é de 12 meses a partir da assinatura do contrato.

Acompanhando a reunião, a chefe do setor de vistoria técnica do Corpo de Bombeiros de Feira de Santana, subtenente Carla Santos, pontuou características do local adequado para os camelôs e ambulantes atuarem. “Quando ocorrem incêndios em locais como a rua Sales Barbosa, onde há grande concentração de camelôs, temos dificuldades de agir por conta de obstáculos como as barracas. Então, para uma maior segurança de todos, é necessário que vocês estejam num local que tenha extintores de incêndios e saída de emergência, por exemplo. Acredito que esses itens estão no projeto do shopping”, salienta.

Construído através de Parceria Público Privada (PPP), o Shopping Popular terá três pavimentos e capacidade para 1.800 pontos comerciais. O empreendimento vai ser construído em uma área de 30 mil metros quadrados situada na rua Olímpio Vital, região do Centro de Abastecimento. Participaram do encontro o prefeito de Feira de Santana, José Ronaldo de Carvalho; secretários municipais, a exemplo do titular da pasta do Trabalho, Turismo e Desenvolvimento Econômico, Antônio Carlos Borges Júnior; e o presidente da Associação Feirense dos Vendedores Ambulantes (AFEVA), Robson Leite.

Publicidade

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Publicidade

Faça uma doação ao JGB

Perfil do Autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]