“Surpreso e indignado, peço desculpas à sociedade”, declara vice-governador João Leão sobre Caso Lava Jato

Vice-governador João Felipe de Souza Leão pede desculpa por declaração.
Vice-governador João Felipe de Souza Leão pede desculpa por declaração.

Vice-governador da Bahia e secretário do planejamento, João Leão, emite declaração, hoje (08/03/21015), expressando resignação com relação as palavras proferidas anteriormente. Oportunidade em que foi abordado sobre o deferimento do pedido de inquérito protocolado pela Procuradoria Geral da república junto ao STF, com a finalidade de apurar possível participação em atos de corrupção envolvendo a Petrobras.

Confira o teor da declaração

“Gostaria de dar a exata dimensão das minhas palavras, amplamente divulgadas pela imprensa, em reação à inclusão do meu nome na lista dos políticos que podem ser investigados pela Justiça na chamada Operação Lava Jato.

Foram considerações feitas num momento de profunda indignação e surpresa. Fiquei muito triste porque ao longo de 28 anos de vida política jamais passei por tamanha crueldade. Peço desculpas à sociedade.

Repito: as palavras foram proferidas em um momento de surpresa e indignação por ver-me equivocadamente envolvido.

Não há, da minha parte, nenhuma intenção de ofender o Ministério Público, o Poder Judiciário, ou quaisquer outras instituições essenciais na manutenção do estado democrático de direito, nem pessoas.

Exercerei meu amplo direito de defesa e provarei a minha inocência.

Peço a Deus serenidade. Confio na democracia brasileira, e com o apoio da minha família e dos meus amigos contribuirei para que a verdade surja”.

Carlos Augusto
Sobre Carlos Augusto 9185 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).