Vereadora Aldney Bastos destaca que deputado destinou R$ 1,3 milhão para Feira de Santana

Jose Carneiro Rocha.
Jose Carneiro Rocha.
Jose Carneiro Rocha.
Vereador Jose Carneiro Rocha.

Benito Gama destina emenda de 1,3 milhão para Feira de Santana”, destaca Neinha

A vereadora Aldney Bastos Marques – Neinha (PMN) ocupou a tribuna da Câmara Municipal de Feira de Santana (CMFS), nesta quarta-feira (11/03/2015), para anunciar que o deputado federal Benito Gama (PTB) destinou uma emenda ao orçamento do Ministério da Saúde, no valor de R$ 1.3 milhão para Feira de Santana, visando, sobretudo, à viabilização de diversas obras de interesse da coletividade no distrito de Bonfim de Feira.

“Estamos vivendo um tempo onde recai sobre os políticos um descrédito enorme, onde a população não confia nem nos mais honestos dos políticos, mas nós temos que desmitificar e separar o joio do trigo”, disse a edil, ressaltando que Benito Gama é um político sério e comprometido como bem estar da população.

Neinha disse que, no ano passado, quando anunciou que apoiaria o referido parlamentar, ela foi “muito criticada por muitos, porque diziam que era político de fora e que só estaria olhando para Feira até a eleição. Mas, diferente do que pensavam, o deputado federal Benito Gama já no iniciou o mandato dando um presente milionário a Feira de Santana, em forma de emenda, já para ser utilizada no corrente ano. Faremos todos os esforços para liberação dessa verba”.

A edil afirmou que não medirá esforços para viabilização de mais verbas em prol do desenvolvimento do município e melhoria da qualidade de vida da população. “Essa é a primeira das grandes ações que meu deputado federal fará por esta cidade, e o prefeito José Ronaldo pode esperar esforços desta vereadora junto ao deputado Benito Gama, no sentido de conseguir mais verbas para realizações em Feira de Santana”, pontuou.

Edvaldo espera pronunciamento do secretário Tuy sobre transporte público

O vereador Edvaldo Lima (PP), em discurso proferido na tribuna da Casa da Cidadania, nesta quarta-feira (11), voltou a cobrar a presença do secretário municipal de Transportes e Trânsito, Ebenezer Tuy, para dar explicações ao Legislativo, referente a uma empresa que opera o sistema de transporte coletivo urbano de Feira de Santana, que, segundo o edil, estaria circulando “de forma clandestina, sem a logomarca da empresa nas laterais ou no fundo dos ônibus”.

Ele lembrou que um requerimento, de sua autoria, convocando o referido secretário para prestar esclarecimentos a respeito deste assunto foi aprovado esta semana.

A preocupação do edil Edvaldo Lima é que outro requerimento, de autoria do líder do Governo, vereador José Carneiro (PSL), também solicita a presença do secretário Ebenezer Tuy para prestar esclarecimento à Câmara Municipal sobre licitação do transporte coletivo, funcionamento do sistema de transporte coletivo no município e funcionamento da Superintendência Municipal de Trânsito (SMT).

“Eu só não quero entender que esse outro requerimento, chegado a esta Casa pelo líder do Governo, possa vir tentar desvirtuar o objetivo do meu requerimento”, disse o oposicionista.

Em aparte, o vereador José Carneiro argumentou que o seu requerimento tem como objetivo dar uma maior abrangência ao convite que está sendo feito ao secretário Tuy, para que este venha a responder diversos questionamentos a respeito da sua pasta e não apenas um único assunto.

Correia diz que seu pronunciamento sobre agentes de trânsito teve repercussão positiva

Na sessão legislativa desta quarta-feira (11), o vereador Correia Zezito (PTB) falou sobre a repercussão do pronunciamento que fez, ontem, na Câmara Municipal, sobre a atuação de alguns agentes de trânsito de Feira de Santana. Ele denunciou, entre outras coisas, que sua filha foi multada, irregularmente, nas proximidades do Fórum Filinto Bastos.

“Ontem, quando estava narrando sobre os agentes, eu sei que muita gente pensou que eu estava advogando em causa própria, por citar minha filha. Eu tenho 5 mil pessoas no meu Face e lá vi a resposta de tanta gente que não está satisfeita com os agentes de trânsito e com a SMTT. Muita gente me deu os parabéns pelos meus reclames. Estou feliz, porque a cada dia venho provando quem é o vereador Correia, que está aqui em prol do povo; eu faço política para o povo”, afirmou o edil, ressaltando que seu discurso foi “aplaudido” no Facebook e no Whatsapp.

Ainda com relação à Secretaria Municipal de Transportes e Trânsito, ele disse que o prefeito José Ronaldo de Carvalho (DEM) tem que promover mudanças no setor. “O prefeito precisa reformular, precisa melhorar o atendimento”.

Sessão especial

Mudando de foco, o vereador informou que, no próximo dia 12, a partir das 9 horas, acontecerá no plenário da Casa da Cidadania uma sessão especial em homenagem ao Dia Internacional da Mulher, onde várias mulheres, por indicação dos vereadores, serão contempladas com a Medalha 08 de Março. Correia destacou que este ano homenageará a senhora Maricélia Ferreira da Silva, “que é secretária da secretária municipal de Saúde e presta um bom serviço naquele órgão”, afirmou.

Projeto que autoriza abertura de crédito adicional pela Prefeitura é aprovado em 2ª discussão 

O projeto de lei de nº 015/2015, de autoria do Poder Executivo,  que autoriza a abertura de crédito adicional especial para a Prefeitura Municipal foi aprovado em segunda discussão, na Câmara Municipal de Feira de Santana,  na manhã dessa  quarta-feira (11).

De acordo com o projeto, “fica o Poder Executivo autorizado a abrir o Orçamento do Município, no corrente exercício, crédito adicional especial no valor de R$ 13 milhões, destinado a alocar recursos para o elemento 82 – Aporte de Recursos pelo Parceiro Privado em favor do Parceiro Privado decorrente de Contrato de Parceria Público-Privada – PPP, modalidade de aplicação 67 – Execução de Contrato de Parceria Público-Privada – PPP, Grupo de Despesa 4 – Investimento, Categoria Econômica 4 – Despesas de Capital, na Secretaria Municipal de Trabalho, Turismo e Desenvolvimento Econômico (Órgão: 14 Unidade: 1414), no projeto Construção do Shopping Popular, classificação funcional programática: 15.451.029.1038, conforme anexo I)”.

O líder do Governo na Câmara,  vereador José Carneiro (PSL),  explicou que a construção do Shopping Popular tem sido amplamente discutida e que esse valor é a contrapartida do município de Feira de Santana dentro dessa Parceria Público-Privada.

“Os problemas dos camelôs de nossa cidade serão resolvidos a partir da construção desse Shopping Popular. Sem dúvida,  com ela o sofrimento do povo acabará com a construção do mesmo em um local estratégico”, anseia.

O líder da bancada de oposição, vereador  Alberto Nery (PT),  criticou o fato de o prefeito José Ronaldo (DEM) entregar a uma empresa privada o direito de explorar durante 25 anos uma área muito valorizada da cidade, levando de “gorjeta” R$ 13 milhões, sendo que quem adquirir um box terá que pagar por ele. “Imagine que tipo de maravilha o Governo está tentando fazer com o povo”, zombou o vereador.

O referido  projeto foi aprovado por maioria dos presentes, com votos contrários dos vereadores Alberto Nery (PT) e Edvaldo Lima (PP). 

Aprovado em 2ª discussão projeto que concede utilidade pública a ADAMFS 

O projeto de lei de nº 013/2015, de autoria do vereador Marcos Lima (PRP),  que considera como de utilidade pública a Associação Desportiva Metropolitana de Feira de Santana (ADAMFS) foi aprovado em segunda discussão, na manhã desta quarta-feira (11), na Câmara Municipal.

A referida associação foi fundada em 02 de julho de 2013 e tem sua sede situada na rua Porto Seguro, nº 670, no bairro do Jardim Cruzeiro,  em Feira de Santana. O projeto foi aprovado por unanimidade.

Requerimento que pede reparação da rede de energia em Ipuaçu é aprovado

Através do requerimento de nº 08/2015, o vereador Roque Pereira (PTN) pede que seja encaminhado ao diretor executivo da  Companhia de Eletricidade do Estado da Bahia (Coelba), em  Feira de Santana,  Carlos Humberto Guimarães Morais,  para que seja analisada a possibilidade de reparação da rede de energia da Estrada do Maia, que foi danificada em virtude da sobrecarga de um raio que caiu no local.

O requerimento ainda salienta que é a energia elétrica que alimenta a bomba d’água do poço artesiano que abastece o sistema de água da Pedra da Canoa e da comunidade do Maia, ambas no distrito de Ipuaçu. “A comunidade está sendo prejudicada por duas razões: pela falta de energia e pela falta de água,  já que sem energia,  a bomba não funciona”, afirmou. O documento  foi aprovado por unanimidade dos edis presentes.

Vereador crítica agressões de petistas a manifestantes

O líder do Governo, vereador José Carneiro (PSL), em discurso na sessão ordinária Câmara Municipal, desta quarta-feira (11), destacou uma matéria do Jornal Folha de São Paulo, publicada no dia 25 de fevereiro deste ano,  informando   que, em ato da Central Única dos Trabalhadores (CUT) e do Partido dos Trabalhadores (PT) em defesa da Petrobras, petistas agrediram manifestantes que defendiam o impeachment da presidente Dilma Rousseff, no Rio de Janeiro.

“Petistas, fardados com a camisa do PT, deram socos e pontapés em manifestantes, em pessoas que estavam com a bandeira do Brasil, no Rio de Janeiro, pedindo o impeachment da presidente Dilma. Confesso que eu fiquei chocado! O PT a vida toda fez manifestações públicas, a vida toda esteve defendendo movimentos de rua e, agora, usa a força bruta para combater manifestações legítimas, onde a população brasileira repudiava a roubalheira na Petrobras”, criticou.

Ele classificou os agressores como “xiitas, infiltrados no Partido dos Trabalhadores, patrocinados pelos corruptos da Petrobras, que podem de repente tentar usar a força bruta para molestar pessoas de bem que vão às ruas dizer não a corrupção”.

José Carneiro informou que, na próxima sexta-feira (13), está programado em várias capitais brasileiras, a exemplo de Salvador, um novo ato da CUT e do PT em defesa da Petrobras. “É vergonhoso! O ato deveria ser em punição dos corruptos que roubaram e acabaram com a Petrobras. Eu estou preocupado, porque pode haver confronto. Como nós somos baianos e a maioria é supersticioso, tem que tomar cuidado: é sexta-feira 13”, alertou.

Em aparte, o vereador Roque Pereira (PTN) acredita que o ato da CUT e do PT é, exatamente, para desvirtuar as manifestações pelo impeachment de Dilma, previstas para o próximo domingo (15).

Lulinha chama atenção para onda de violência em Feira de Santana

O vereador Luís Augusto de Jesus – Lulinha (PEN), nesta quarta-feira (11), em discurso na tribuna da Casa da Cidadania, chamou atenção para o aumento da violência em Feira de Santana, sobretudo nos bairros da Conceição, Santo Antônio dos Prazeres e Mangabeira.

“Quero registrar que nos bairros da Conceição, Santo Antônio dos Prazeres e Mangabeira o índice de violência tem crescido. Inclusive, meu irmão teve o carro tomado perto da casa dele, no bairro da Conceição. Jovens que saem das escolas estão sendo assaltados. Nunca vi tanta violência como está se vendo em Feira de Santana, não é só no bairro da Conceição e Mangabeira, é na Feira toda”, afirmou.

O vereador criticou a “passividade” do Governo do Estado e pediu reforços na segurança pública do município. “A violência tem se alastrado e o Governo não tem feito nada para reagir. Os pais de família perderam o direito de ir e vir. Antigamente, a Conceição era um bairro tranquilo, mas, hoje, as pessoas estão com medo. Precisa o Governo do Estado agir com a Polícia Militar, investir na polícia, dar mais suporte a Feira de Santana, contratar mais policiais, viaturas, motos, para dar suporte ao povo, porque cada dia que passa tem piorado”, alertou.

Lulinha chamou atenção ainda para os compromissos assumidos pelo governador Rui Costa durante a campanha. “Está na hora de garantir os compromissos, honrá-los, a exemplo da construção de um novo hospital geral, que foi a primeira obra anunciada para atender também a demanda da saúde, que está um caos em Feira de Santana”, ressaltou.

Projeto

Mudando de foco, o vereador Lulinha destacou um projeto de lei, de sua autoria, que tramita na Casa Legislativa, que disponibiliza um espaço para que agricultores familiares possam expor os seus produtos. “Com esse projeto não vai mais precisar que os agricultores venham para as ruas pedir espaço, pois será destinado um espaço para eles comercializarem”, pontuou.

Vereador destaca verbas de subvenção do deputado Márcio Marinho em prol do município

Após os agradecimentos da vereadora Neinha (PMN) ao deputado federal Benito Gama (PTB) devido à indicação de emendas parlamentares ao orçamento do Ministério da Saúde para obras no município, o vereador Eli Ribeiro (PRB), em discurso na sessão legislativa desta quarta-feira (11), destacou que a cidade de Feira de Santana também foi contemplada com verbas de subvenção do deputado federal Márcio Marinho (PRB).

“O nosso deputado federal Márcio Marinho, do PRB, destinou também para Feira de Santana. Com R$ 2.350.000,00, equipou o Conselho Tutelar de Feira de Santana, com carros novos, computadores, entre outros equipamentos”, informou.

Eli Ribeiro ressaltou que mais verbas devem ser destinadas por Márcio Marinho ao município. “No dia 20 de março eu vou ter uma reunião com ele e, com certeza, benefícios virão para Feira de Santana”, disse.

O vereador aproveitou a oportunidade para defender o deputado estadual José de Arimatéia (PRB), que, segundo Eli Ribeiro, não costuma ser destacado pela imprensa. “Ouvi em um programa de rádio citando os nomes dos deputados atuantes de Feira de Santana e não mencionaram o nome de Arimatéia. É uma injustiça, pois ele tem um gabinete na rua Sampaio, que fica aberto de segunda a sexta-feira e tem residência fixa em Feira de Santana. E, com essa dobradinha Arimatéia e Márcio Marinho, vamos ajudar Feira de Santana”, afirmou.

Em aparte, o vereador Edvaldo Lima (PP) questionou se o Poder Executivo vai aceitar as emendas destinadas por deputados. “O deputado federal Fernando Torres enviou R$ 5 milhões em emendas e o prefeito José Ronaldo informou que não precisava dessa verba. Quero saber se ele aceitará as verbas deste deputado?”.

Novamente com o uso da palavra, Eli Ribeiro respondeu ao colega, afirmando que nunca teve esse problema. “Do meu deputado, ele recebeu todas as emendas”, disse.

Tom diz que não se calará sobre denúncias feitas

O vereador Ewerton Carneiro – Tom (PTN) afirmou, em discurso na Câmara Municipal de Feira de Santana, nesta quarta-feira (11), que não se calará a respeito das denúncias que fez a respeito das cooperativas e construtoras que estariam cometendo irregularidades em Feira de Santana.

“Quero deixar bem claro que este vereador aqui não tem medo do que está falando e não estou aqui para denunciar e me calar não. Vou até o fim das denúncias que estou fazendo aqui. Eu aprendi, neste tempo que tenho de vida, que o homem foi preparado para os combates, o papel do vereador aqui é denunciar”, disse.

O vereador ressaltou ainda que fará nesta quarta-feira uma visita no empreendimento da Damha, a fim de investigar irregularidades cometidas contra o meio ambiente. “Hoje estarei indo com a comissão, tenho informação de que a Damha está causando explosões próximo ao riacho. Vou lá presenciar junto com os vereadores da comissão”.

Tom afirmou ainda que não está preso a ninguém e que ele é vereador para servir ao povo. “Estou com meus pés no chão sem estar nas mãos de nenhum desses empresários. Foi com o voto do trabalhador, dos menos favorecidos, que eu exerço a vereança e vou continuar meu trabalho”, pontuou.

 Beldes lamenta discurso de Lulinha direcionado ao HGCA

O vereador Beldes Ramos (PT) lamentou as críticas do edil Luís Augusto de Jesus – Lulinha (PEN) ao Hospital Geral Clériston Andrade (HGCA), proferidas na sessão ordinária da Câmara Municipal de Feira de Santana, nesta quarta-feira (11).

“Só lamento o discurso do vereador Lulinha ser direcionado ao Hospital Geral Cleriston Andrade, com discurso político para desgastar o Governo do Estado”, criticou o petista, afirmando que as unidades de saúde do município também devem ser alvo de fiscalização por parte do Legislativo.

 “Vamos pegar os PSFs, policlínicas e perguntar como está também a situação dessas unidades. Como está a situação do Hospital da Mulher, da UPA e como está o investimento do município na saúde”, disse.

Beldes lembrou que há casos envolvendo o Hospital da Mulher em que crianças nasceram na recepção da unidade. “É uma situação que vemos de superlotação. Parturientes dão à luz na recepção, pessoas que chegam com serviço de parto e voltam para casa, porque não tem leitos”, salientou.

Beldes acrescentou: “consultas são marcadas em postos de saúde para daqui a seis e meses e, quando os pacientes chegam lá, não são atendidos por falta de médico, como acontece no Caseb, que não tem médico clínico para atender. Na Queimadinha também tem um posto de saúde que não tem clínico”, denunciou.

Com relação à construção de um novo hospital regional, compromisso firmado pelo governador Rui Costa, o vereador petista declarou: “ele (Rui Costa) foi categórico ao dizer que seria dada a ordem de serviço ainda neste primeiro semestre”.

Edvaldo Lima cobra do Executivo resposta de ofício

Durante pronunciamento no horário do grande expediente da Câmara, nesta quarta-feira (11), o vereador Edvaldo Lima (PP), após parabenizar a postura do vereador Reinaldo Miranda – Ronny (PSDB) à frente do Legislativo Municipal, criticou o Governo do Município por não responder um ofício, de sua autoria, encaminhado no início de 2014.

“Veja como a independência é importante. Desde que estou nesta Casa só agora vi o vereador ser, de fato, respeitado pelo Município. Desde que começou o mandato do presidente Ronny, todos os ofícios que encaminhei ao Executivo tive resposta. Encaminhei dois ou três ofícios este ano e já obtive resposta. Agora estou vendo os vereadores sendo respeitados”, elogiou Edvaldo.

Mas, logo em seguida, ele cobrou do Município a resposta de um ofício encaminhado no início de 2014, onde solicita a mudança da Micareta da avenida Presidente Dutra para o Parque de Exposição João Martins da Silva. O vereador lembrou que não é contra a festa, mas contra o local onde ela é realizada.

“No início de 2014, eu encaminhei um ofício ao Executivo solicitando a mudança da Micareta da Presidente Dutra para o Parque de Exposições, mas até hoje não tive nenhuma resposta. A Micareta traz um prejuízo incalculável para o comércio de Feira de Santana. Os comerciantes daquela região têm prejuízo, as igrejas evangélicas localizadas próximas ao evento têm prejuízo, a igreja Capuchinhos tem prejuízo e a Estação Rodoviária é a maior prejudicada. A festa deve mudar para o Parque, porque lá que é lugar de festa”, argumentou Edvaldo.

Eremita Mota alerta  vereadores em relação à política

Acompanhando as divulgações de que o deputado Zé Neto (PT) e o prefeito José Ronaldo (DEM) estão conversando sobre a votação das contas do ex-prefeito Tarcízio Pimenta, a vereadora Eremita Mota (PDT) usou seu tempo no grande expediente da Câmara Municipal, desta quarta-feira (11), para alertar os colegas em relação ao trato político.

“Lendo uma matéria, que trata sobre as conversas de Zé Neto e Ronaldo, lembrei de um ex-vereador de oposição que afirmava aqui que Tarcízio sairia de Feira algemado e, hoje, ele foi abraçado por José Ronaldo. Então, isso me fez refletir que nós vereadores, que somos pequenos, não devemos ficar nos digladiando aqui dentro, porque depois, eles que são maiores, se entendem e nós ficamos prejudicados”, avaliou a edil.

A vereadora ressaltou que todos devem fazer política pensando nos eleitores e na sociedade. “Temos que trabalhar pensando no eleitor, que mais tarde vai nos cobrar as ações. Nosso papel não é tentar caluniar ou difamar o outro, haja vista que os inimigos de hoje podem se tornar companheiros de palanque amanhã. O bom político não é o que encontra defeitos nos outros, o bom político é aquele que desgasta suas energias na busca por soluções das mazelas apresentadas pela população”, alertou.

Aproveitando o momento, a vereadora elogiou o trabalho do vereador Ronny à frente da Presidência. “Parabéns pelo trabalho que vem fazendo na Presidência da Câmara. Ronny está sendo bom presidente e acredito que agora teremos um Legislativo independente. E é muito importante ver que o vereador não precisa ser puxa saco de ninguém, precisa é ser respeitado”, finalizou Eremita.

Lulinha diz que aprova as contas de Tarcízio e critica atendimento do Clériston 

Em pronunciamento no horário do grande expediente da Câmara Municipal, desta quarta-feira (11), o vereador Luís Augusto de Jesus – Lulinha (PEN) disse que votará favorável a prestação de contas do ex-prefeito de Feira de Santana, Tarcízio Pimenta Júnior, referente a 2012.  O edil tratou de saúde pública durante seu discurso.

“Ouvi atentamente o que disse a vereadora Eremita e quero dizer que na reunião da Comissão de Finanças desta Casa, onde foi discutida a aprovação das contas de Tarcízio, eu votei favorável. E, agora, resta esta Casa aprovar ou não as contas do ex-prefeito. Eu poderia não votar, mas não guardo mágoas e não vivo de passado, por isso votei favorável”, declarou Lulinha.

Saúde

Mudando de assunto, o edil criticou a saúde gerida pelo Governo do Estado no município de Feira de Santana. Para ele, se não fosse o empenho do prefeito José Ronaldo nos PFSs, policlínicas, UBSs e CAPS, a população feirense ficaria sem atendimento médico.

“Não sei o que seria da população se não fossem as especialidades médicas que atendem nos PFSs, policlínicas, UBSs e CAPS, providenciadas pelo prefeito. O prefeito enfrenta dificuldades, mas tenta assistir à população da melhor maneira. O Clériston Andrade, no passado, atendia todo mundo, mas hoje tem dificuldades e só atende quem chega de Samu ou de ambulância. Quem não tiver um conhecimento, não consegue atendimento no Clértiston, é preciso ir para a regulação, que está matando as pessoas, porque eles dizem que não há vaga”, criticou Lulinha.

O vereador também mencionou  que os cargos e a direção do HGCA são indicações políticas. “Os cargos que têm lá, a maioria é político. O diretor não é da nossa cidade. Será que Feira não tem uma pessoa capacitada para dirigir o Clértiston? Será que é preciso trazer uma pessoa de Salvador? A indicação foi do deputado Zé Neto, que hoje coloca quem quer naquele hospital”, pontuou.

Vereador critica atendimento do Clériston e diz que está de “olho” na Casa de Saúde Santana

Em discurso proferido na tribuna da Casa Legislativa, nesta quarta-feira (11), o vereador Marcos Lima (PRP) teceu críticas ao atendimento do Hospital Geral Clériston Andrade (HGCA) e disse que o Governo do Estado deixa muito a desejar quando o assunto é a saúde de Feira de Santana.

“Foi falado por Beldes aqui que a saúde de Feira de Santana é plena. Mas, não concordo por conta do atendimento que temos no Clériston, no Hospital da Criança e no Hospital Colônia. Não podemos falar de saúde pela metade. O que vemos hoje são as policlínicas tentando fazer a regulação dos pacientes para o HGCA e não conseguem; não têm acesso a essa regulação”, disse.

Em defesa do Governo do Estado, o vereador Beldes Ramos (PT) disse que o diretor do HGCA, José Pitangueiras, está fazendo o que pode em prol da melhoria da unidade hospitalar. Em seguida, o petista cobrou respostas para os seus questionamentos com relação às unidades de saúde do Município.  “Pitangueiras está fazendo o que pode. Fiz questionamentos sobre o atendimento no Hospital da Mulher e nas policlínicas e ninguém me responde. Esta Casa deve fazer debates de soluções”.

Novamente com o uso da palavra,  o vereador Marcos Lima disse que não aceita críticas em relação ao Hospital da Mulher, pois, segundo ele, a unidade de saúde atende além de sua capacidade. “Todos têm conhecimento que aquele hospital faz milagres. Atende mulheres de toda a região com muita responsabilidade. Ah se não fosse o Hospital da Mulher em Feira de Santana!”, defendeu.

Em aparte, Beldes Ramos argumentou que o HGCA faz o mesmo que o Hospital da Mulher. “O HGCA, assim como o Hospital da Mulher, atende cerca de 47  municípios. É ele que socorre Feira de Santana e região. Não podemos olhar para o retrovisor e falar que antigamente não era assim, como disse Lulinha”, concluiu.

Para encerrar, Marcos Lima informou que, em breve, levará uma denúncia ao Legislativo em relação à Casa de Saúde Santana. “Estou investigando se é mesmo verdade que a Casa de Saúde Santana está prestando serviço para hospitais particulares e deixando de atender as pessoas que dependem do SUS. Já recebi muitas denúncias, estou de olho e, se for verdade, trarei as informações para esta Casa”, pontuou.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 110919 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]