Petrobras: Graça Foster e cinco diretores renunciam ao cargo

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Maria das Graças Silva Foster deixa presidência da Petrobras após sucessivos escândalos de corrupção.
Maria das Graças Silva Foster deixa presidência da Petrobras após sucessivos escândalos de corrupção.

A presidenta da Petrobras, Maria das Graças Foster, e cinco diretores da empresa renunciaram ao cargo hoje (04/02/2015). O Conselho de Administração da companhia se reúne na próxima sexta-feira para a escolha dos novos executivos que ficarão no comando da companhia.

A informação foi confirmada pela Bovespa em comunicado ao mercado. Na solicitação, a Bovespa pede esclarecimentos à Petrobras sobre notícias publicadas na imprensa sobre o fato de que o Palácio do Planalto já havia informado à presidenta da Petrobras, Graça Foster, de que ela seria substituída no cargo.

“Solicitamos esclarecimentos, o mais breve possível, considerando o comportamento das ações no pregão de hoje, diante das informações do afastamento da cúpula da Petrobras”, diz o pedido da Bovespa.

Diante disso, a Petrobras informou, em nota, à Bolsa de Valores de São Paulo: “Em resposta a esta solicitação, a Petrobras informa que seu Conselho de Administração se reunirá na próxima sexta-feira, dia 06.02.2015, para eleger nova Diretoria face à renúncia da Presidente e de cinco Diretores”.

Petrobras divulga nomes de diretores que renunciaram junto com Graça Foster

A Petrobras informou que a renúncia da presidenta da companhia, Graça Foster, e de cinco diretores da empresa, anunciada hoje (4), valerá a partir de sexta-feira (6), dia em que o Conselho de Administração vai se reunir para eleger os novos membros da diretoria. A informação foi transmitida à Comissão de Valores Mobiliários (CVM) na noite de hoje (4) para esclarecimento sobre mudanças na administração.

O comunicado indica, ainda, que, além de Graça Foster,  renunciaram o diretor Financeiro e de Relacionamento com Investidores, Almir Guilherme Barbassa; o diretor de Exploração e Produção, José Miranda Formigli; o diretor de Abastecimento, José Carlos Cosenza; o diretor de Gás e Energia, José Alcides Santoro; e o diretor de Engenharia, Tecnologia e Materiais, José Antônio de Figueiredo.

O comunicado foi assinado pelo diretor Almir Barbassa. A diretoria da Petrobras permanece com o ex-presidente da companhia de 2003 a 2005, José Eduardo Dutra, indicado para a diretoria Corporativa e de Serviços em 2012; e com o diretor de Governança, Risco e Conformidade, João Adalberto Elek Júnior, que tomou posse no dia 19 de janeiro de 2015. Os dois não estão incluídos na renúncia.

O Conselho de Administração da Petrobras tem na presidência o ex-ministro da Fazenda, Guido Mantega, que foi eleito pelo governo acionista controlador. Também participam do órgão os conselheiros eleitos pelo governo federal: Graça Foster, Luciano Galvão Coutinho, Francisco Roberto de Albuquerque, Márcio Pereira Zimmermann, Sérgio Franklin Quintella e a ex-ministra do Planejamento, Miriam Belchior. Pelos acionistas preferencialistas, foi eleito conselheiro José Guimarães Monforte; pelos minoritários, Mauro Gentile Rodrigues da Cunha e pelos empregados, Sílvio Sinedino Pinheiro.

*Com informações da Agência Brasil.

Leia +

Operação Lava Jato: Polícia Federal prende ex-diretor da Petrobras suspeito de lavagem de dinheiro

Ministério Público Federal denuncia 35 investigados na Operação Lava Jato. Confira relação dos denunciados

Operação Lava Jato: Polícia Federal cumpre 85 mandados judiciais

Operação Lava Jato: Alberto Youssef diz que pagava propina a mando de agentes políticos

Em depoimento na Justiça, José Sergio Gabrielli nega superfaturamento da refinaria Abreu e Lima

Justiça determina quebra de sigilo do ex-presidente da Petrobras e ex-secretário do governo José Sérgio Gabrielli

Operação Lava Jato atinge políticos do PT da Bahia

Operação Lava Jato: com cerca de 42 autoridades com foro especial envolvidas, a corrupção na Petrobras é qualificada como maior caso de desvio de recursos financeiros do planeta

Operação Lava Jato: Venina Velosa diz que funcionário também foi afastado ao denunciar formação de cartel na Petrobras

Maria das Graças Silva Foster e cinco diretores deixam comando da Petrobras após sucessivos escândalos de corrupção.
Maria das Graças Silva Foster e cinco diretores deixam comando da Petrobras após sucessivos escândalos de corrupção.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 113716 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]