“Demissões na Azaléia é resultado da inércia do governo”, denuncia deputado Sandro Régis

Deputado Sandro Regis critica governo por demissões em empresa privada.
Deputado Sandro Regis critica governo por demissões em empresa privada.
Deputado Sandro Regis critica governo por demissões em empresa privada.
Deputado Sandro Regis critica governo por demissões em empresa privada.

As 670 demissões que ocorreram na Vulcabrás/Azaléia, instalada em Itapetiga, assim como o fechamento de cerca de 10 filiais da fábrica calçadista implantadas na microrregião, é resultado da inércia constatada desde o início do governo Wagner, que não priorizou e nem conseguiu colocar em prática políticas estratégicas de desenvolvimento sustentável, capaz de incentivar a manutenção e a atração de novos investimentos no setor industrial da Bahia. Essa é a opinião do líder da Oposição na Alba, Sandro Régis (DEM), que reuniu-se com os vereadores do município, Fabiano Bahia e Naara Duarte, ambos do DEM, para discutir e levantar informações sobre a questão. Segundo o vereador, as demissões causaram grande impacto na região, levando o sentimento de insegurança e de abandono entre as famílias dos trabalhadores dispensados.

“A crise foi iniciada em 2012 e o governo não tomou qualquer medida que impedisse esse desfecho”, disse Sandro Régis, observando que a recente interferência da Secretaria de Trabalho Emprego e Renda (Setre), que em tese contribuiu para a suspensão de novas demissões, veio tardia, sobretudo para os 670 demitidos, todos remanescentes das filiais fechadas. O vereador Fabiano Bahia disse que a fábrica absorvia mão-de-obra local – a maioria qualificada pela própria empresa – e que agora, muitos desses trabalhadores estão sendo obrigados a retornar para a zona rural de onde saíram, por absoluta falta de perspectivas.

Redação do Jornal Grande Bahia
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 108106 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]