Severiano Alves cobra reajuste para professores com base na lei

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Severiano Alves critica aumento concedido pelo governo federal.
Severiano Alves critica aumento concedido pelo governo federal.
Severiano Alves critica aumento concedido pelo governo federal.
Severiano Alves critica aumento concedido pelo governo federal.

Autor da emenda que criou o piso salarial dos professores, Severiano Alves (PDT), se manifestou sobre o reajuste de 13,01% do piso nacional de professores e disse tratar de uma atualização compulsória prevista pela lei. “A lei 11.738, que trata do piso salarial dos professores, estabelece no artigo 5º que todo ano o piso será corrigido no mesmo percentual do per capita do Fundeb. Portanto, não se trata de um aumento e sim de uma atualização determinada por lei”, afirmou.

O piso salarial é a menor remuneração para uma formação de nível médio, sendo que nenhum ente federativo pode pagar ao professor ou a qualquer profissional de educação de suporte pedagógico um valor menor. Contudo, Severiano Alves ainda ressalta a falta de atenção para a educação e o descumprimento das vantagens do cargo do professor. “Mesmo sendo um valor baixo para a importância do professor, me entristece saber que muitos municípios não pagam se quer o valor básico e as vantagens do cargo. Vamos torcer para que os municípios respeitem as leis e entendam que a educação é uma política pública essencial e está acima de qualquer vontade pessoal do gestor público”, afirmou.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 113732 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]