Salvador: SAC de Cajazeiras implanta posto de coleta de sangue

Posto de coleta de sangue é implantado no SAC.
Posto de coleta de sangue é implantado no SAC.
Posto de coleta de sangue é implantado no SAC.
Posto de coleta de sangue é implantado no SAC.

Até o final do mês de abril, a unidade do Serviço de Atendimento ao Consumidor (SAC) no bairro de Cajazeiras, em Salvador, terá mais um serviço: a doação de sangue. O projeto piloto é uma iniciativa conjunta das secretarias da Saúde (Sesab) e Administração (Saeb) da Bahia, visando aumentar o percentual de doações no estado (1%), que está abaixo, inclusive, da média nacional (1,7%).

O projeto foi anunciado pelo secretário da Saúde do Estado, Fábio Vilas-Boas, durante entrevista na rádio Metrópole nesta quinta-feira (22/01/2015). No final do dia, Vilas-Boas se reuniu com o presidente da Fundação Hemoba, José Raimundo Mota, e o superintendente do SAC, Carlos Henrique de Azevedo, para ajustar os detalhes da iniciativa.

A expectativa é que diariamente cem pessoas doem na unidade, o equivalente a 5% do fluxo diário do SAC de Cajazeiras. “Teremos quatro cadeiras para doação e todo o processo de triagem e coleta não demora mais do que 30 minutos”, estimula o presidente da Fundação Hemoba.

Para o superintendente do SAC, a facilidade de acesso e a visibilidade das unidades na capital e interior possibilitam ampliar a coleta de sangue em toda a Bahia. “Vamos estudar a possibilidade de implantar pontos de doação em todas as nossas unidades”, declara o gestor.

Uma segunda etapa está prevista para o segundo semestre deste ano, com a implantação de novos postos de coleta de sangue nas unidades do SAC nos shoppings Barra e Bela Vista, ambos em Salvador. No interior, a ideia é disponibilizar unidades móveis de coleta e, onde for possível, instalar postos fixos nos SACs.

Solidariedade

Segundo dados da Hemoba, todos os tipos de sangue estão com bolsas em estado crítico, o que geralmente ocorre nos meses posteriores aos festejos, como São João e Natal, e períodos de férias.

Atualmente, a Hemoba é composta por 24 Unidades de Coleta, espalhadas pelo Estado, além de um Hemóvel – ônibus que circula entre empresas e comunidades, a fim de captar doadores voluntários. O sangue coletado é processado e distribuído para aproximadamente 350 hospitais da rede pública e, em alguns casos, também abastece o setor privado.

Quem pode ser doador

Pessoas entre 16 e 69 anos podem doar sangue. Além disso, é necessário pesar acima de 50 quilos e estar bem de saúde. Candidatos à doação de sangue com idade entre 16 e 17 anos deverão estar acompanhados pelo responsável legal. Não é recomendado a doação para o candidato que teve diagnóstico de hepatite após os 10 anos de idade ou mulheres grávidas ou que estejam amamentando.

Redação do Jornal Grande Bahia
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 108049 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]