Programa ‘Água para Todos’ supera meta modificando qualidade de vida no sertão brasileiro

Na Bahia, o Governo Federal já instalou 231 mil cisternas, beneficiando mais de 1 milhão de pessoas, em 277 municípios.
Na Bahia, o Governo Federal já instalou 231 mil cisternas, beneficiando mais de 1 milhão de pessoas, em 277 municípios.
Na Bahia, o Governo Federal já instalou 231 mil cisternas, beneficiando mais de 1 milhão de pessoas, em 277 municípios.
Na Bahia, o Governo Federal já instalou 231 mil cisternas, beneficiando mais de 1 milhão de pessoas, em 277 municípios.

Foram mais de 40 meses de trabalho, R$ 6,1 bilhões investidos, 1.200 municípios atendidos e mais de 5 milhões de brasileiros contemplados. Esse é o resultado excepcional do programa Água para Todos, coordenado pela Secretaria de Desenvolvimento Regional do Ministério da Integração Nacional (MI). A meta estabelecida de instalação de cisternas em 2011 – eram 750 mil até o fim de 2014 – foi ultrapassada: até novembro, 771.344 haviam sido distribuídas.

“A conclusão deste primeiro ciclo do Água para Todos foi surpreendente. Além de superamos a meta pública, também atendemos a um número maior de famílias”, diz a secretária de Desenvolvimento Regional, Adriana Alves.

Em Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe, mais norte de Minas Gerais, desde 2003 o governo federal instalou mais de 1,1 milhão de cisternas, que representam uma capacidade de armazenamento de 17,6 bilhões de litros de água.

O próximo passo do programa é dar sequência à implantação dos sistemas coletivos de abastecimento – mais de 1.600 já foram instalados –, e ao investimento nas tecnologias de segunda água, como barreiros, pequenas barragens, poços e kits de irrigação. “As tecnologias de segunda água são fundamentais para universalizarmos o acesso à água no semiárido”, afirma Adriana.

Redação do Jornal Grande Bahia
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 108748 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]