Hemoba supera meta de cadastro de medula óssea

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Figura ilustra coleta de medula óssea para transplantante.
Figura ilustra coleta de medula óssea para transplantante.
Figura ilustra coleta de medula óssea para transplantante.
Figura ilustra coleta de medula óssea para transplantante.

A Fundação de Hematologia e Hemoterapia da Bahia (Hemoba) divulgou esta semana que superou a meta de 20 mil potenciais doadores de medula óssea em 2014 no estado da Bahia. Ao todo foram realizados exatos 20.839 cadastros. A informação anima a deputada estadual Graça Pimenta (PMDB), a qual enfatiza a importância desse gesto de solidariedade.

“Esse tipo de transplante permite a cura de muitas doenças, a exemplo de leucemias, linfomas e alguns tipos de anemia. Em alguns casos, pode ser o único tratamento eficaz para a cura do paciente. Por isso, aqueles que podem, têm interesse em realizar a doação e ainda não doaram, procurem a unidade de coleta e transfusão e realizem este ato de solidariedade. O transplante de medula óssea pode salvar vidas!”, declara a parlamentar.

A medula óssea é um tecido líquido que ocupa o interior dos ossos, responsável pela produção dos componentes do sangue. Segundo informações do site do Hemoba, para se tornar um doador é preciso ter entre 18 e 55 anos incompletos, gozando de boa saúde, preencher um formulário com dados pessoais e realizar a coleta de uma amostra de sangue com 5ml para testes de compatibilidade (os dados pessoais e os resultados dos testes serão armazenados em um sistema informatizado que realiza o cruzamento com dados dos pacientes que estão necessitando de um transplante).

Banner do Governo da Bahia: Campanha 'Aqui é trabalho', veiculada nesta sexta-feira (04/11/2021).
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 114835 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]