Governo da Bahia distribui refeições para famílias atingidas por incêndio em Salvador

Secretário estadual da Casa Civil, Bruno Dauster, lidera equipe de contingência.
Secretário estadual da Casa Civil, Bruno Dauster, lidera equipe de contingência.
Secretário estadual da Casa Civil, Bruno Dauster, lidera equipe de contingência.
Secretário estadual da Casa Civil, Bruno Dauster, lidera equipe de contingência.

O Governo da Bahia vai distribuir refeições para as famílias atingidas pelo incêndio que ocorreu em palafitas na comunidade da Baixa do Petróleo, conhecida como Alagados, no bairro de Massaranduba, em Salvador, na madrugada desta quarta-feira (14/01/2015). A primeira entrega será realizada nesta noite. O fogo desabrigou 70 famílias na região e, ao todo, mais de 200 sofreram danos. A iniciativa faz parte de um conjunto de ações do governo estadual, em diálogo com a prefeitura, para aliviar os efeitos causados pelas chamas.

Os alimentos serão produzidos pelo Restaurante Popular, gerido pela Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS). A logística de entrega é de responsabilidade da Superintendência de Proteção e Defesa Civil (Sudec), sob coordenação da Casa Civil. Cerca de mil copos com 200 ml de água potável da Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) já foram distribuídos.

Para o secretário estadual da Casa Civil, Bruno Dauster, esta é uma iniciativa emergencial de alta qualidade, que vai colaborar de forma imediata com a redução dos danos sofridos pela população. “Na manhã de hoje [quarta], assim que informados sobre o incêndio, equipes da Defesa Civil e do serviço social da Conder [Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado da Bahia] foram ao local para dar apoio às pessoas e se reunir com representantes da comunidade. Vamos fazer três entregas por dia para garantir aos atingidos as principais refeições. Serão para café da manhã, almoço e jantar”.

Dauster ainda destaca que o governo assume o compromisso de construir uma solução definitiva para o problema da moradia dos atingidos pelo incêndio. “Precisamos alojar estas famílias com segurança e de forma definitiva. Vamos cadastrar os desabrigados no programa Minha Casa, Minha Vida, para inclusão em novo projeto, que vai construir 250 unidades habitacionais na região de Alagados”

Uma estrutura móvel da Secretaria da Administração (Saeb) também está prevista para ser montada em breve. A unidade irá trabalhar para emissão de documentos perdidos no incêndio. Está envolvida ainda na ação a Superintendência de Habitação da Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedur).

Redação do Jornal Grande Bahia
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 108756 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]