Codevasf instala 15 mil cisternas na região norte do estado da Bahia

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Cisternas são instaladas no semiárido baiano pela Codevasf.
Cisternas são instaladas no semiárido baiano pela Codevasf.
Cisternas são instaladas no semiárido baiano pela Codevasf.
Cisternas são instaladas no semiárido baiano pela Codevasf.

A Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) alcançou a marca de 15 mil cisternas de abastecimento humano instaladas na região norte do estado da Bahia com o programa Água para Todos. Os reservatórios beneficiam mais de 75 mil pessoas. Esse é o resultado do mais recente balanço de ações do programa, realizado pela 6ª Superintendência Regional da Companhia, sediada em Juazeiro (BA). Somente em 2014 a Codevasf implantou 11 mil cisternas em 13 municípios da região.

De acordo com o coordenador regional do Água para Todos na Codevasf, Joselito Menezes, o programa tem atendido especificamente famílias em condições de vulnerabilidade econômico-social. “É importante frisar que muitas famílias não dispunham de uma fonte de água de boa qualidade para o consumo até a distribuição e a instalação das cisternas pela Codevasf. Essas ações mudaram a qualidade de vida dessas populações, com efeitos positivos em sua saúde e maior disponibilidade de tempo para as tarefas do dia a dia”, ressalta Menezes.

Os reservatórios implantados pela Companhia são de polietileno e têm entre suas principais características a simplicidade do processo de instalação, a resistência e a vedação do armazenamento. O equipamento têm capacidade de armazenamento de 16 mil litros e sua vida útil é estimada em 30 anos.

O abastecimento ocorre durante os períodos chuvosos: a água da chuva é aparada no telhado do local beneficiado e conduzida, por meio de um sistema de calhas e canos, para o interior do reservatório. Com a observância de cuidados básicos – que são comunicados aos beneficiados em treinamentos específicos – a água é própria para saciar a sede e para o preparo de alimentos. Nas localidades em que a estiagem tem sido mais severa, as cisternas estão permitindo que os beneficiados guardem com segurança a água provida por carros-pipa.

Comitês 

A indicação dos beneficiários é responsabilidade de comitês gestores municipais e comissões comunitárias, formados por representantes da sociedade civil, sindicatos de representação rural, associações rurais, igrejas e poder público municipal.

Os comitês devem observar em suas indicações as diretrizes do programa: os beneficiários devem ser famílias que residam em áreas rurais, vivam em situação de extrema pobreza ou pobreza – o que significa possuir renda per capita mensal de até R$ 140 –, tenham carência de acesso a água e inscrição no Cadastro Único de Programas Sociais (CadÚnico).

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 113755 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]