Aberta inscrições para o edital ‘Capoeira Viva 2015’

Demonstração de capoeira em Irará. Edital promove arte de origem africana.
Demonstração de capoeira em Irará. Edital promove arte de origem africana.

Em evento realizado na quarta-feira (14/01/2015), na Casa do Benin, a Fundação Gregório de Mattos (FGM) lançou o Edital Capoeira Viva 2015 na presença de representantes do esporte, profissionais de imprensa, autoridades e sociedade em geral. O certame integra as ações do programa Capoeira Viva, idealizado pelo Ministério da Cultura (MinC), promovido pela Fundação Gregório de Mattos e patrocinado pela Petrobras.

O edital visa a premiar propostas voltadas à valorização, promoção, difusão, registro e fortalecimento da manifestação como bem constituinte do patrimônio cultural brasileiro. Ao todo, serão selecionadas dez propostas que receberão o montante de R$15 mil reais cada, somando um total de R$150 mil de recursos disponibilizados.

O concurso será dividido em três linhas de ação, que são: intercâmbio, com foco na troca de conhecimento, no reconhecimento e na difusão do jogo de capoeira e deve prever convidados de localidades além de Salvador; preservação e memória da capoeira em diferentes modalidades, que podem ser digitais, audiovisuais, exposições, instalações, publicações, sítios da web, portais e produtos correlatos; e inclusão compreendendo propostas voltadas a pessoas com necessidades especiais, com vistas à ampliação de suas atividades culturais, educativas e sociais.

“A capoeira faz parte do imaginário da cidade e deve estar incluída nas políticas culturais. Aos poucos, estamos dando a devida importância para essa arte”, afirmou o presidente da FGM, Fernando Guerreiro. Além disso, a expressão cultural é fundamental para o fortalecimento identidade brasileira, sendo estratégica para a promoção do Brasil no mundo. Segundo o representante regional do MinC na Bahia e Sergipe, Lula Oliveira, “a capoeira é uma linguagem que dialoga com muitos países e leva a Bahia para os diferentes continentes, contribuindo com internacionalização da cultura do nosso país”, finalizou.

Inscrições – As inscrições para o concurso serão gratuitas e irão durar no período entre 15 de janeiro e 2 de março de 2015. Poderão participar do concurso pessoas físicas, instituições sem fins lucrativos e pessoas jurídicas inscritas como Micro Empreendedor Individual (MEI) legalmente constituídas.

Os candidatos devem conhecer o edital e preencher o formulário de inscrição disponíveis no site www.capoeiraviva.salvador.ba.gov.br. O documento preenchido poderá ser enviado com material complementar, como CDs, vídeos, fotos, sendo que todos os itens devem estar inseridos em um envelope, lacrado e devidamente identificado, conforme as orientações do edital. Os interessados devem entregá-lo na sede da FGM, localizada na Rua Chile, 31, Centro.

Seleção dos projetos – Os projetos inscritos serão avaliados por uma Comissão de Avaliação formada por três membros, especialistas na área, sendo um representante de universidade, um dos círculos da capoeira e um técnico e/ou representante da FGM. Os avaliadores serão designados pelo presidente da FGM. As propostas selecionadas serão divulgadas no site do programa www.capoeiraviva.salvador.ba.gov.br e no Diário Oficial do Município (DOM).

Cadastramento – A FGM reabriu também o Cadastramento da Capoeira em Salvador. A ação, lançada em 2013, tem o objetivo de subsidiar políticas públicas voltadas à capoeira e criar uma base de dados pública sobre este universo, nas formas impressa e digital, com fácil acesso para todos. Já foram cadastradas 120 instituições ativas na cidade. As entidades que ainda não fizeram o registro poderão fazê-lo a partir de amanhã (15), no site www.cadastrocapoeira.salvador.ba.gov.br..

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 112844 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]