Presidente do DEM na Bahia diz que “Rui Costa confessa que Jaques Wagner gastou R$ 1,6 bi com fisiologismo”

Presidente do DEM na Bahia, José Carlos Aleluia, critica duramente governador Jaques Wagner.
Presidente do DEM na Bahia, José Carlos Aleluia, critica duramente governador Jaques Wagner.
Presidente do DEM na Bahia, José Carlos Aleluia, critica duramente governador Jaques Wagner.
Presidente do DEM na Bahia, José Carlos Aleluia, critica duramente governador Jaques Wagner.

“Ao calcular que o corte de 1.699 cargos vai gerar uma economia anual de R$ 200 milhões, o governador eleito da Bahia Rui Costa confessa que Jaques Wagner, em oito anos de governo, desviou R$ 1,6 bilhão dos cofres públicos para financiar o fisiologismo de petistas e aliados. Esses vultosos recursos dariam para construir mais de 100 escolas de alto padrão para o povo da Bahia”, diz o presidente estadual do Democratas, deputado federal eleito José Carlos Aleluia.

Para Aleluia, o governador eleito não tem outra saída, senão tomar medidas imediatas de contingenciamento, depois da gastança do governo Jaques Wagner. “Durante toda a campanha, Paulo Souto alertou sobre o desequilíbrio financeiro do estado. A situação é de descalabro total na Bahia, assim como não está sendo diferente no governo federal, onde a presidente Dilma vem tentando de toda maneira alterar a meta fiscal para fechar as contas e não ser acusada de crime de responsabilidade”.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 111127 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]