Operação Lava Jato | STJ nega liberdade a Fernando Baiano e dois investigados ligados à OAS

Ministro do STJ Francisco Falcão, negou pedido de liberdade.
Ministro do STJ Francisco Falcão, negou pedido de liberdade.
Ministro do STJ Francisco Falcão, negou pedido de liberdade.
Ministro do STJ Francisco Falcão, negou pedido de liberdade.

O presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Francisco Falcão, negou hoje (26/12/2014) pedido de liberdade feito pelos advogados do empresário Fernando Soares, conhecido com Fernando Baiano, e de mais dois presos ligados à empreiteira OAS. Além de não encontrar ilegalidade na decretação das prisões, o ministro entendeu que, conforme jurisprudência do STJ, a gravidade do modus operandi dos investigados justifica a prisão cautelar.

Todos foram presos na Operação Lava Jato e estão na Superintendência da Polícia Federal (PF) em Curitiba. Além do empresário, tiveram pedido de liberdade negado o presidente da OAS, José Aldelmário Filho, e Mateus Coutinho de Sá Oliveira, funcionário da empreiteira.

De acordo com o Ministério Público Federal (MPF), a OAS e outras empresas investigadas na Operação Lava Jato participavam de um “clube” para acertar quem venceria licitações com a Petrobras. Seis pessoas ligadas à OAS já se tornaram réus em ações penais na Justiça Federal em Curitiba.

Fernando Baiano é acusado de cobrar propina para intermediar a compra de equipamentos para a Petrobras. No entanto, seus advogados negam as acusações de negócios ilícitos com a estatal. Segundo o juiz federal Sérgio Moro, responsável pelas investigações, há provas de que Soares recebeu “valores milionários em contas no exterior”.

Soares também nega ter relações com o PMDB. Em depoimento de delação premiada, o doleiro Alberto Youssef disse que o investigado arrecadava propina para o PMDB, por meio de contratos com a Petrobras.

*Com informações da Agência Brasil.

Leia +

Operação Lava Jato | STJ nega liberdade a Fernando Baiano e dois investigados ligados à OAS

Operação Lava Jato | Advogados afirmam que prisão de executivo não impedirá novos crimes de empreiteiras

Justiça aceita denúncia contra 36 investigados na Operação Lava Jato

Operação Lava Jato | Justiça aceita denúncia contra cinco executivos da Mendes Júnior

Operação Lava Jato | Justiça recebe denúncia contra executivos da Galvão Engenharia

MPF quer o bloqueio integral de ativos de investigados na Lava Jato

Operação Lava Jato | Juiz abre ação penal contra Costa, Youssef e dirigentes da OAS

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 112723 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]