Brasil | Um país escandaloso

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sujeira.
Sujeira.
Sujeira.
Sujeira.

Um mar de lama vem invadindo o país sabe-se lá desde quando. A corrupção acumulada nestes últimos 50 anos,  teve seu start no golpe militar de 1964, aliada a campanha política das últimas eleições, transformou toda esta sujeira, com seu cheiro pútrido, causada pela injustiça que assola a nação, em um tsunami de injúrias e de atitudes irresponsáveis daqueles que querem esconder sua participação no “lamaçal”, subornando as diversas autoridades de direito.

O que nos deixa mais estarrecidos é que se aproxima a época de declaração do I R – Imposto de Renda, também conhecida como “a mordida do leão”, período em que transferimos para os cofres públicos grande parte do nosso “suor” em forma de impostos mesmo sabendo que este vai escoar pelos ralos da corrupção.

Estes recursos deveriam ser investidos em educação, cultura e arte, saúde, segurança, manutenção de estradas, etc. Mas, na realidade, o que observamos é que este dinheiro tem destinos diversos menos aquele previsto na Constituição Federal.

O cidadão brasileiro já se acostumou a pagar tudo em dobro, como: plano de saúde, segurança particular – cerca eletrônica, sensores de segurança, alarmes, etc – e a enfrentar as condições precárias de nossas rodovias.

Alguma atitude deve ser tomada imediatamente, exceto convocar a volta do regime militar, a página negra da nossa história. O cidadão brasileiro precisa se politizar, saber, além de votar,  o que reconheço que é tarefa muito difícil para muitos – cobrar dos seus gestores públicos, honestidade e responsabilidade com a coisa pública.

Sobre Alberto Peixoto 488 Artigos
Antonio Alberto de Oliveira Peixoto, nasceu em Feira de Santana, em 3 de setembro de 1950, é Bacharel em Administração de Empresas pela UNIFACS, e funcionário público lotado na Secretaria da Fazenda do Estado da Bahia, atua como articulista do Jornal Grande Bahia, escrevendo semanalmente, é escritor e tem entre as obras publicadas os livros de contos: 'Estórias que Deus Duvida', 'O Enterro da Sogra, 'Único Espermatozoide', 'Dasdores a Difícil Vida Fácil', participou da coletânea 'Bahia de Todos em Contos', Vol. III, através da editora Òmnira. Também atua incentivador da cultura nordestina, sendo conselheiro da Fundação Òmnira de Assistência Cultural e Comunitária, realizando atividades em favor de comunidades carentes de Salvador, Feira de Santana e Santo Antonio de Jesus. É Membro da Academia de Letras do Recôncavo (ALER), ocupando a cadeira de número 26. E-mail para contato: [email protected] Saiba mais sobre o autor visitando o endereço eletrônico http://www.albertopeixoto.com.br.