Intelectual Sérgio Mattos lança obra biográfica sobre jornalista feirense Edivaldo Boaventura

Sérgio Mattos e Edivaldo M. Boaventura, vidas profissionais dedicadas à educação e ao jornalismo convergem na obra ‘Um cidadão prestante’.
Sérgio Mattos e Edivaldo M. Boaventura, vidas profissionais dedicadas à educação e ao jornalismo convergem na obra ‘Um cidadão prestante’.
Sérgio Mattos e Edivaldo M. Boaventura, vidas profissionais dedicadas à educação e ao jornalismo convergem na obra ‘Um cidadão prestante’.
Sérgio Mattos e Edivaldo M. Boaventura, vidas profissionais dedicadas à educação e ao jornalismo convergem na obra ‘Um cidadão prestante’.
Convite do lançamento da obra 'Um cidadão prestante'.
Convite do lançamento da obra ‘Um cidadão prestante’.

Com o título ‘Um cidadão prestante’, o pesquisador prof. Doutor Sérgio Mattos apresenta obra no formato reportagem biográfica, sobre a trajetória de vida do jornalista feirense Edivaldo Machado Boaventura. O lançamento do livro ocorre na Reitoria da Universidade Federal da Bahia, em Salvador, no dia 4 de novembro de 2014, às 18:30 horas.

O escritor Sérgio Mattos e o biografado Edivaldo Boaventura comungaram importantes experiências profissionais no campo jornalístico, quando ambos conviveram na redação do jornal A Tarde. A biografia lançada através da Quarteto Editora com apoio da Universidade Federal da Bahia promete preencher uma lacuna da história do jornalismo baiano, sendo resultado da experiência profissional de duas personalidades intelectualmente maduras, com importante contribuições no campo do jornalismo e da educação. A sinergia resultante na obra se torna, por conseguinte, leitura obrigatória para as pessoas que querem conhecer sobre a vida intelectual da Bahia.

O autor

Sérgio Mattos é jornalista formado pela Universidade Federal da Bahia (1971), Mestre em Comunicação pela Universidade do Texas, em Austin, Estados Unidos(1980), Doutor em Comunicação pela Universidade do Texas, em Austin, Estados Unidos(1982). Poeta, cronista, compositor e pesquisador universitário com 25 livros publicados no Brasil e no exterior, é professor aposentado da UFBA e a partir de agosto de 2008 passou a integrar o quadro docente da UFRB – Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, onde ingressou, por concurso público, como professor adjunto do curso de Jornalismo.

O biografado

Edivaldo Machado Boaventura, filho de Osvaldo Abreu Boaventura e Edith Machado Boaventura, nasceu em Feira de Santana, Bahia, em 10 de dezembro de 1933. Cursou o secundário com os jesuítas, no Colégio Antônio  Vieira. Bacharelou-se em Direito (1959), em Ciências Sociais (1969), doutorou-se e obteve a Livre Docência (1964) pela Universidade Federal da Bahia  (UFBA). É Mestre (1980) e Ph.D. (1981) em Educação pela The Pennsylvania State University, EUA.

Baixe

Biografia de Edivaldo M. Boaventura

Discurso em homenagem ao octogésimo aniversário do acadêmico Edivaldo M. Boaventura

Carlos Augusto
Sobre Carlos Augusto 9315 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).