Eleições 2014 – Bahia | Vereadores de Feira de Santana comentam resultado das urnas

Alberto Nery diz que Angleo Almeida pode mudar de posição no resulta final da Eleição de 2014.
Alberto Nery diz que Angleo Almeida pode mudar de posição no resulta final da Eleição de 2014.
Alberto Nery diz que Angleo Almeida pode mudar de posição no resulta final da Eleição de 2014.
Alberto Nery diz que Angleo Almeida pode mudar de posição no resulta final da Eleição de 2014.

Nery anseia que seus candidatos consigam vagas no Congresso e na ALBA 

Usando a tribuna da Casa da Cidadania, nesta quarta-feira (08/10/2014), o líder da bancada de oposição na Câmara, vereador Alberto Nery (PT), falou sobre a possibilidade de seus candidatos a deputado federal, Fernando Torres (PSD), e deputado estadual, Angelo Almeida (PT), assumirem uma das vagas na Câmara dos Deputados e Assembleia Legislativa.

“Agora não adianta chorar pelo leite derramado. O que nos resta fazer com esses candidatos ‘Copa do Mundo’ é esperar que eles tenham compromisso com Feira de Santana. Espero muito que o deputado Fernando Torres, em janeiro, se mantenha no Congresso Nacional e continue trazendo recursos para Feira de Santana. É claro que com mandato a pessoa tem muito mais respaldo do que como suplente”, avaliou Nery.

Para o vereador, com as manobras políticas, Angelo Almeida poderá assumir uma cadeira na ALBA. “Nosso companheiro Angelo tem grande possibilidade de chegar à Assembleia Legislativa, já que ele se encontra como o 1º suplente do Partido dos Trabalhadores”.

Na oportunidade, ele parabenizou as pessoas que contribuíram com a campanha eleitoral do PT no município. “Quero parabenizar nossa militância, na pessoa do presidente Aécio Moreira, que teve um papel importante na organização dos eventos em Feira de Santana. Ele trouxe para nossa cidade a representante da Presidência da República, para uma caminhada, que aconteceu de forma ordeira, onde mostramos a força do nosso partido. Dilma ganhou em Feira, Rui ganhou em Feira e, surpreendentemente, Otto também ganhou”, disse petista.

Pablo diz que Angelo Almeida poderá assumir cadeira na ALBA

O vereador Pablo Roberto, em discurso na tribuna da Câmara Municipal, nesta quarta-feira (8), informou que, devido a alguns fatores,  o ex-vereador Angelo Almeida tem chance real de assumir uma das cadeiras na Assembleia Legislativa do Estado da Bahia (ALBA), em 2015. Nas eleições deste ano de deputado estadual, o petista obteve 35.519 votos, ficando na quarta suplência da coligação “Pra Bahia avançar mais”, formadas por PT, PP, PSD, PDT, PR, PC do B, PTB e PMN.

O edil afirmou que o resultado das eleições para deputado estadual  não foi definitivo, com o fim das apurações, no último domingo. “Coisas acontecem, desdobramentos acontecem e eu acredito que hoje ou, o mais tardar, amanhã, aconteça ainda mudanças no resultado que foi até aqui declarado, proclamado pelo TSE e pelo TRE”, disse.

De acordo com Pablo, alguns deputados eleitos,  por conta de problemas na Justiça,  devem perder a vaga na ALBA e outros devem assumir secretariais estaduais, o que resultaria em uma nova contagem de votos pelo Tribunal Superior Eleitoral.

Partindo desse pressuposto, ele acredita que há grandes possibilidades de Angelo Almeida se tornar deputado estadual. “Quero dizer para aquelas pessoas que nos acompanharam que continuem torcendo porque nos próximos dias, nos próximos meses nós teremos bons resultados”, anseia.

Eremita espera  apoio de deputados nas eleições de vereador

Na manhã desta quarta-feira (8), durante discurso na tribuna da Câmara Municipal, a vereadora Eremita Mota (PDT) criticou deputados eleitos que não voltaram para agradecer e compartilhar a vitória com os edis que deram apoio na campanha eleitoral. Eremita questionou a ajuda desses parlamentares na campanha de vereador.

“Nós ficamos o tempo inteiro nesta tribuna defendendo e buscando votos para nossos candidatos. Daqui a dois anos é a nossa candidatura e temos que prestar atenção se na Assembleia eles falarão da nossa importância para Feira de Santana”, disse.

De acordo com ela, sete vereadores da Casa da Cidadania foram indicados pelo prefeito para apoiar deputados, mas alguns parlamentares ficam dizendo que são independentes. “Targino é o único que pode dizer que é independente, por todo o trabalho de corpo a corpo feito com seus eleitores. Em reunião com ele, presenciei seu trabalho e digo que é merecedor. Os vereadores apenas somaram ao seu trabalho”, afirmou.

Ela acrescentou: “mas, o que me deixa indignada é ter o apoio do prefeito, usar a máquina e depois ir para o rádio dizer que é independente e ser contra os candidatos de fora que pediram votos aqui em Feira. É difícil pedir votos, temos que conversar muito com as pessoas e incorporar aquilo que você pensa. O que eu pude perceber nesta eleição é que teve muita gente que se preocupou com a vida do outros; vi muito isso. Durante a campanha tive um castigo ordinário, que foi ficar ao lado de uma pessoa que estava sendo rejeitada pela população”, relatou.

A vereadora aproveitou o ensejo para mandar um recado aos deputados. “Quando chegar nossa eleição, vou esperar e ver se algum deputado vai colocar carro de som para vereador. E, quando se falou em Marcos Medrado, ele perdeu a eleição porque foi mal agradecido com os vereadores que lhe apoiaram. Quando eleito, não ligou nem para pedir um obrigado e olhe que trabalhamos muito para sua eleição”.

A edil afirmou que muitos políticos não são verdadeiros na hora de pedir o voto. A vereadora relatou, por exemplo, que foi ao Feira VII e pediu votos para o candidato a deputado federal João Gualberto e, na ocasião, os eleitores pediram a ela que também indicasse um nome para assumir a Presidência da República. Eremita disse que sua recomendação foi que o voto teria que ser dado a alguém que já tivesse contribuído para melhoria da qualidade de vida daquelas pessoas.

“Quem disser ao prefeito que pediu voto para Paulo Souto está mentindo. Temos que respeitar a vontade do povo. E, outra coisa, o prefeito está de parabéns, porque não colocou nenhum parente nesta eleição. Na outra, o meu nome quase foi lançado para deputada, mas o ex-prefeito, na época, preferiu colocar sua esposa, mas se eu fosse vaidosa tinha comprado a briga”, disse Eremita.

“Quem tira o voto de Feira deve ter compromisso com a cidade”, diz Justiniano 

Em discurso na sessão legislativa nesta quarta-feira (08/10/2014), o presidente da Casa da Cidadania, Justiniano França (DEM), apresentou dados da eleição de deputado federal no município e pediu aos seus pares e eleitores que cobrem dos parlamentares eleitos residentes em outras cidades o cumprimento das promessas de campanha eleitoral que visam o desenvolvimento de Feira de Santana.

O edil informou que o colégio eleitoral de Feira de Santana possui 367.768 eleitores. De acordo com ele, para deputado federal foram computados 29.168 votos brancos, 25.862 votos nulos, 46.763 abstenções e 265.975 votos válidos. Justiniano ressaltou que abstenções, votos brancos e nulos somam 101.793 votos.

O presidente da Casa da Cidadania também salientou que, em Feira de Santana, os candidatos de fora tiveram 93.360 votos. Segundo o vereador, os deputados eleitos obtiveram 48.733 votos. “Esses votos têm que ser honrados”, cobrou.

Justiniano acrescentou que 44.627 votos de eleitores feirenses foram para candidatos de outros municípios que não se elegeram. Conforme o edil, se esses votos fossem distribuídos aos candidatos da cidade, Zé Chico (DEM), Fernando Torres (PSD) e Colbert Martins (PMDB), por exemplo, eles se elegeriam tranquilamente.

“Eu, pessoalmente, quero que todos os candidatos a deputado federal e estadual sejam de Feira de Santana, mas não coloco isso como uma questão de princípio, porque o próprio candidato daqui de Feira tem que ir a outra cidade buscar o voto. O que eu entendo é quem tira o voto de Feira deve ter o compromisso com a cidade”, pontuou.

Em aparte, o vereador David Neto (PTN) disse que o pior eleitorado do Brasil é da região Sudeste, uma vez que elege para o Congresso Nacional ex-jogadores de futebol e artistas, a exemplo de Romário (PSB-RJ), Sérgio Reis (PRB-SP) e Tiririca (PR-SP). “Eu acho que tem que começar a renovar, colocar pessoas competentes no Congresso”.

Redação do Jornal Grande Bahia
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 108791 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]