Sobe para 14 o número de casos de chikungunya registrados em Feira de Santana

Prefeitura Municipal de Feira de Santana (PMFS) apresenta dificuldade no controle da doença.
Prefeitura Municipal de Feira de Santana (PMFS) apresenta dificuldade no controle da doença.
Prefeitura Municipal de Feira de Santana (PMFS) apresenta dificuldade no controle da doença.
Prefeitura Municipal de Feira de Santana (PMFS) apresenta dificuldade no controle da doença.

Uma semana depois de o Ministério da Saúde ter confirmado os dois primeiros casos de chikungunya transmitidos no Brasil,  já são 16 os doentes que foram infectados pelo vírus no país. Agora a cidade baiana de Feira de Santana registra 14 casos da doença.

Os dois primeiros casos da doença transmitida dentro do país foram registrados em Oiapoque, no Amapá. Antes disso, 37 pessoas tinham contraído a doença em outros países e vindo para o Brasil e confirmaram no país que estavam com o vírus.

Segundo o Ministério da Saúde, há equipes trabalhando nas duas cidades para buscar outros casos e orientar profissionais de saúde em como tratar a doença.

As ações de combate à doença são as mesmas da dengue, pois os mosquitos transmissores são os mesmos. Os sintomas também são parecidos, mas segundo o secretário de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde, Jarbas Barbosa, a letalidade da chikungunya é menor.

O tratamento é feito para combater os sintomas, com analgésico (paracetamol), hidratação adequada e repouso.

Leia +

Prefeitura de Feira de Santana mobiliza equipe de saúde com a finalidade de conter avanço da febre chikungunya

Cinco casos da febre chikungunya foram confirmados em Feira de Santana

Sobe para 14 o número de casos de chikungunya registrados em Feira de Santana

Baixe

Informe sobre a febre chikungunya emitido pela PMFS

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 112836 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]