Governo da Bahia divulga resultado do concurso de ideias para Baixinha de Santo Antônio

Secretário Manuel Ribeiro abre o enevelope com o resultado do Concurso de Ideias para Baixinha de Santo Antonio.
Secretário Manuel Ribeiro abre o enevelope com o resultado do Concurso de Ideias para Baixinha de Santo Antonio.
Secretário Manuel Ribeiro abre o enevelope com o resultado do Concurso de Ideias para Baixinha de Santo Antonio.
Secretário Manuel Ribeiro abre o enevelope com o resultado do Concurso de Ideias para Baixinha de Santo Antonio.
Secretário Manuel Ribeiro abre o enevelope com o resultado do Concurso de Ideias para Baixinha de Santo Antonio.
Secretário Manuel Ribeiro abre o enevelope com o resultado do Concurso de Ideias para Baixinha de Santo Antonio.

O trabalho dos arquitetos Adriano Bruno, Juliana Sicuro, Luís Felipe Vasconcellos e Vitor Garcez, sob a coordenação técnica do arquiteto Rodrigo Bocarte, foi o grande vencedor do Concurso Nacional de Ideias em Arquitetura e Urbanismo da Baixinha de Santo Antônio – Bairro da Gente, realizado pela Secretaria de Desenvolvimento Urbano do Estado da Bahia (SEDUR) em parceria com o Instituto dos Arquitetos do Brasil – Seção Bahia (IAB-BA), com patrocínio da Caixa Econômica Federal.

A divulgação do resultado aconteceu na tarde desta segunda-feira, 08/09, no Gabinete da SEDUR, no Centro Administrativo da Bahia (CAB), em Salvador. A cerimônia contou com a participação do secretário Manuel Ribeiro; da presidente do IAB-BA, Solange Araújo; do coordenador do Concurso, Neilton Doréa; de representantes da Procuradoria Geral do Estado (PGE) e do Tribunal de Contas do Estado (TCE); e de lideranças comunitárias da Baixinha de Santo Antônio.

A comissão julgadora, presidida pelo arquiteto Mariano Arana, ex-prefeito de Montevidéu por duas vezes e ex-senador da República do Uruguai, avaliou a proposta vencedora e elogiou o ”plano urbanístico com boa definição, especialmente atento às intervenções sobre o assentamento a preservar”. A comissão considerou positiva, ainda, a “criação de dois núcleos-centralidades com moradias, serviços e espaços públicos, em áreas atualmente frágeis e de menor aproveitamento”, sugerindo que isso tem uma “resposta de muito bom resultado”.

Processo Democrático

O secretário Manuel Ribeiro, que defendeu a ideia do concurso público por considerá-la a mais democrática possível, avaliou como extremamente positivo o resultado do concurso. “Nós estamos aqui hoje cumprindo a última etapa deste concurso de ideias, que é a divulgação do resultado, mas eu não posso deixar de afirmar que o sucesso dele ajudará muito a promoção de outros concursos no Estado da Bahia, uma vez que tivemos trabalhos de altíssimo nível, como podemos ver pela avaliação da comissão julgadora”, afirmou. O secretário lembrou ainda que o projeto piloto a ser realizado na Baixinha de Santo Antônio será replicado em outras comunidades de Salvador e região metropolitana.

Líder comunitária da Baixinha de Santo Antônio, Alda Florentino parabenizou o Governo do Estado e o IAB-BA pela importância dada à participação da comunidade durante todo o processo de elaboração e execução do concurso público. “Nós recebemos o projeto de braços abertos e demos todo o apoio necessário para a realização do concurso. Estamos muito satisfeitos em ver a divulgação do resultado, além do compromisso do secretário em continuar tocando este trabalho”, comentou Alda. “Uma comunidade com mais saneamento básico, urbanização, cultura e lazer é a certeza de um futuro melhor para nossos filhos”, finalizou.

Comissão Julgadora

A coordenação do concurso confirmou 17 inscrições de participantes e recebeu, dentro do prazo estabelecido, 11 propostas para avaliação da Comissão Julgadora. A comissão foi formada por Mariano Arana, arquiteto e ex-senador do Uruguai; Sérgio Magalhães, arquiteto e presidente do Instituto dos Arquitetos do Brasil (IAB); Antônio Heliodório Sampaio, arquiteto e professor da Universidade Federal da Bahia; Elisabete França, arquiteta e urbanista; Alessandra D’Avila Vieira, arquiteta do Ministério das Cidades; Verena Andreatta, arquiteta e urbanista, secretária de Urbanismo e Mobilidade Urbana de Niterói (RJ); Fernanda Pontes, arquiteta e gerente nacional de Planejamento e Desenvolvimento de Redes na GeGov de Brasília; e Roberto Cortizo, arquiteto e urbanista, professor da UFBA.

Resultado

Além do trabalho vencedor (RS 150 mil), coordenado por Rodrigo Bocater, o concurso também premiará os segundo (RS 80 mil) e terceiro (R$ 50 mil) colocados. A posição número dois ficou com o trabalho elaborado pela arquiteta Maria das Graças Gondim dos Santos Pereira e a terceira posição foi para o trabalho coordenado por Eubert Fabrício dos Santos. O concurso foi patrocinado pela Caixa Econômica Federal.

O resultado obedecerá aos trâmites formais e legais para sua homologação. Após a homologação e decorrido o prazo de cinco dias para interposição de eventual recurso, uma premiação com a participação do governador Jaques Wagner deve acontecer ainda neste mês de setembro.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 116767 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.