Eleições 2014 | TSE garante direito de resposta a Dilma Rousseff, e Pastor Everaldo perde um minuto na TV

Dilma Rousseff ganha direito de resposta.
Dilma Rousseff ganha direito de resposta.
Dilma Rousseff ganha direito de resposta.
Dilma Rousseff ganha direito de resposta.

O ministro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) Tarcisio Vieira concedeu direito de resposta à coligação Com a Força do Povo, da candidata Dilma Rousseff (PT), referente ao programa do candidato à presidência pelo Partido Social Cristão (PSC), Pastor Everaldo, que perdeu um minuto do tempo de televisão do Horário Eleitorial Gratuito, no turno da noite.

A decisão responde a uma representação apresentada pela candidata à reeleição e sua coligação após veiculação de propaganda de Pastor Everaldo, no último dia 18. No programa, o candidato citou que Correios, Banco do Brasil e a Petrobras passaram por corrupção. Ele afirmou que “nosso dinheiro está sendo roubado por esse bando de ladrões”.

O conteúdo foi considerado pelo ministro-relator ofensivo e ultrapassou os limites da crítica e do debate político. Na decisão, destacou ainda que postura semelhante por parte do mesmo candidato já havia levado o TSE a retirar um minuto no rádio e dois minutos na televisão de seu tempo de propaganda, a fim de garantir direito de resposta a Dilma Rousseff. A decisão foi tomada neste sábado (27/09/2014).

Já o ministro Admar Gonzaga negou três pedidos de direitos de resposta da coligação Com a Força do Povo, que pediu a suspensão imediata de duas propagandas televisivas da coligação Unidos pelo Brasil, de Marina Silva (PSB), e uma da coligação Muda Mais, de Aécio Neves (PSDB). Nos casos, o pedido foi indeferido porque o ministro não identificou declarações ofensivas a Dilma e ao Partido dos Trabalhadores (PT).

*Com informações da Agência Brasil.

Redação do Jornal Grande Bahia
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 107981 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]