Telefônica Vivo lança nova edição do prêmio de Jornalismo Universitário

Vencedores de 2013 do prêmio de Jornalismo Vivo Telefônica.
Vencedores de 2013 do prêmio de Jornalismo Vivo Telefônica.
Vencedores de 2013 do prêmio de Jornalismo Vivo Telefônica.
Vencedores de 2013 do prêmio de Jornalismo Vivo Telefônica.

A Telefônica Vivo anuncia a 3ª edição do Prêmio Telefônica Vivo de Jornalismo Universitário no Brasil. A iniciativa, que acontece desde 2005 em outros países da América Latina onde a Telefônica atua, tem como objetivo reconhecer talentos e incentivar os futuros jornalistas no exercício da profissão.

Nesta terceira edição brasileira do Prêmio, além de Rio Grande do Sul e Bahia, o estado de Minas Gerais foi escolhido para ser um dos representantes do País. O estudante (ou grupo de estudantes) vencedor participa depois de um concurso com os demais vencedores dos países participantes e, por fim, o grande vencedor latino-americano ganhará uma viagem à Espanha, para conhecer a matriz da Telefônica e estagiar por alguns dias em um grande veículo de comunicação local.

Para carimbar o passaporte e chegar a Europa, no entanto, os futuros jornalistas devem passar por algumas fases da competição. Para começar, os estudantes precisam acessar a página da iniciativa no Facebook (www.facebook.com/premiotelefonica) e inscrever até dois trabalhos em uma das seguintes categorias: jornalismo impresso, jornalismo multimídia, videojornalismo, radiojornalismo e fotojornalismo. As inscrições têm início no dia 19 de agosto e terminam em 22 de setembro de 2014.

Os materiais inscritos passarão pela avaliação do comitê julgador e, então, um deles será indicado como vencedor de cada grupo acima – no total, serão cinco ganhadores contemplados com smartphones.

Dentre estes selecionados, será eleito o primeiro vencedor nacional do Prêmio Telefônica Vivo de Jornalismo Universitário, que, além de levar um tablet para casa, participará da etapa latino-americana do concurso concorrendo com representantes do Chile, Colômbia, Costa Rica, Equador Guatemala, México, Panamá, Peru e Venezuela.

O primeiro colocado dentre os participantes de todos os países será contemplado com a viagem à Espanha e o estágio em veículo de comunicação local. Vale lembrar que em algumas categorias os trabalhos inscritos podem ter sido produzidos em dupla ou em grupos. Nestes casos, todos os integrantes recebem as premiações – desde a primeira etapa.

“É muito gratificante realizar este concurso pela segunda vez na Bahia, onde temos excelentes universidades. Muitos dos grandes jornalistas brasileiros foram formados na Bahia e acreditamos na qualidade dos trabalhos que vão sair daqui e dos outros dois estados. Estamos confiantes em ter um vencedor brasileiro este ano no Etecom”, afirma o diretor da Vivo para Bahia e Sergipe, Ricardo Vieira.

Mais informações e detalhes sobre o Prêmio Telefônica Vivo de Jornalismo Universitário estão disponíveis na página www.facebook.com/premiotelefonica.

Vivo na Bahia 

Líder absoluta no mercado de pós-pago na Bahia, com 44,52% das linhas ativas nesta modalidade de contrato, a Vivo tem um total de mais de 4,5 milhões de acessos móveis no estado. A Vivo é também a empresa com a maior cobertura móvel da Bahia. São 274 municípios cobertos, sendo 264 deles cobertos pela rede 3G, além de Salvador, Porto Seguro, Mata de São João e Feira de Santana com sinal 4G.

Sobre Carlos Augusto 9449 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).