Com R$ 3 milhões de verba federal, Prefeitura de Feira de Santana inaugura sistema de videomonitoramento

Inauguração do sistema de videomonitoramento.
Inauguração do sistema de videomonitoramento.

O município de Feira de Santana agora tem, oficialmente, 80% de todo seu território monitorado por câmeras de alta resolução, incluindo os distritos. O Sistema de Videomnitoramento foi inaugurado pelo prefeito José Ronaldo de Carvalho na noite de quinta-feira (07/08/2014), com a entrega da Sala Capitão Arlindo Barbosa da Silva, no Gabinete de Gestão Integrada Municipal (GGIM).

A cerimônia de inauguração começou com as bênçãos do arcebispo metropolitano Dom Itamar Vian. Estiveram presentes secretários e diretores de autarquias municipais, autoridades da segurança pública, vereadores e a comunidade em geral.

O investimento do Governo Municipal, através de convênio com o Governo Federal, foi de R$ 3 milhões e vai ajudar no combate a violência na cidade. “Pesquisas demonstravam que a principal preocupação do cidadão é a segurança. Portanto, percebemos que isso vai dar uma grande contribuição às polícias”, destacou o prefeito.

O equipamento conta com um sistema de acompanhamento das situações nas principais rotas de fuga e locais de grande concentração de pessoas. São câmeras digitais, de alcance de 1,5 km com nitidez de imagem e abrangência de 360º, funcionando 24 horas por dia. Na sala de monitoramento irão trabalhar as equipes da Polícia Militar, Guarda Municipal e agentes de trânsito.

“Encontramos esse desafio de implantar essa central e o dinheiro foi aplicado com muita honestidade. Por isso, já estamos com a proposta de ampliação do sistema. É um serviço que todo mundo busca quando falamos em segurança: a integração de todos os órgãos do setor”, afirmou o secretário de Prevenção a Violência, Mauro Moraes.

Para as pessoas terem noção da estrutura e da importância do equipamento para a sociedade, foi instalado um telão de LED na frente da Seprev. Pôde-se acompanhar, ao vivo, a movimentação nos locais onde as câmeras foram instaladas. Antes da inauguração, profissionais da imprensa conheceram o espaço e tiraram as dúvidas sobre o funcionamento.

Homenagem 

A sala onde o monitoramento é realizado levou o nome do Capitão Arlindo Barbosa da Silva. Os familiares compareceram na cerimônia de inauguração para prestigiar a homenagem. “Gostaria de expressar a satisfação e emoção de toda a família. É uma gratidão a toda cidade por colocarem o nome de meu pai. Tenho certeza que esse equipamento vai capacitar o município a nível de segurança pública”, declarou o filho do homenageado, Arnold Lima Barbosa.

O prefeito José Ronaldo de Carvalho lembrou da contribuição do capitão durante o seu trabalho em nossa cidade. “Conheci e convivi com o homenageado. Ele sempre estava com sua luta incansável pela causa dos ex-combatentes do Exército”.

Imprensa conhece sistema de videomonitoramento

O funcionamento do Sistema de Videomonitoramento do município de Feira de Santana foi apresentado para imprensa horas antes de sua reinauguração. O encontro entre os profissionais da comunicação e a equipe de trabalho do Gabinete de Gestão Integrada Municipal serviu para esclarecer sobre a tecnologia aplicada, a quantidade instalada de equipamentos e a sua funcionalidade.

A apresentação ficou por conta do secretário de Prevenção a Violência, Mauro Moraes e também contou com a presença dos secretários Valdomiro Silva (Comunicação Social) e Jailton Batista (Cultura, Esporte e Lazer), além do tenente-coronel da Polícia Militar Adelmário Xavier, comandante da Região Leste. Todas as questões foram esclarecidas aos cerca de 20 jornalistas e radialistas que estiveram no local.

“Esses equipamentos são os olhos de nossa cidade. É um local de integração dos órgãos de segurança, onde o trabalho será realizado para combater a violência e também ajudar em outros setores que competem a administração pública de uma grande cidade como Feira de Santana”, declarou Mauro Moraes.

Já estão em funcionamento 127 câmeras, porém mais 63 serão instaladas, somando o total de 190 em toda a cidade. Os locais de instalação foram escolhidos através de estudos, levando em consideração rotas de fuga, índice de criminalidade e locais com grande fluxo de pessoas – a exemplo dos Terminais de Transbordo e Estação Rodoviária.

“Vamos trabalhar com produção de imagens que possam contribuir com a Polícia Civil (no caso de investigação de crimes) e também para acionar viaturas e prepostos para chegar aos locais onde estão acontecendo algum delito ou infração”, explicou o secretário de Prevenção a Violência. A captura de imagens pode ficar armazenada por até 30 dias, além dos recortes feitos no momento do acontecimento.

O trabalho é realizado por equipes da Polícia Militar, Guarda Municipal e agentes de trânsito. “Nós começamos a investigação aqui e comunicamos aos demais órgãos. É uma central de inteligência que vai beneficiar a todos”, finalizou Mauro Moraes.

Redação do Jornal Grande Bahia
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 108850 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]