Salvador: exposição homenageia o centenário da artista plástica brasileira Djanira

Djanira, Independência - Pintura, Guache sobre Papel, 69 x 120, 1968.
Djanira, Independência - Pintura, Guache sobre Papel, 69 x 120, 1968.
Djanira, Independência - Pintura, Guache sobre Papel, 69 x 120, 1968.
Djanira, Independência – Pintura, Guache sobre Papel, 69 x 120, 1968.

A Caixa Cultural Salvador apresenta, de 29 de julho a 28 de setembro de 2014, a exposição “Djanira – Pintora Descalça”, em comemoração ao centenário da artista plástica Djanira Motta e Silva. A homenagem à artista busca resgatar o valor individual de suas obras e sua enorme importância no panorama da visualidade moderna no país, além da compreensão e do reconhecimento da cultura popular brasileira. A mostra traz pinturas como: “Festa Junina”, “Inconfidência”, “Independência”, “A Jovem Pescadora”, “Santana”, “A Fazenda”, “Trabalhadores da Cana”, entre outras.

Mais conhecida por seu primeiro nome, Djanira registrou em composições geometrizadas e ricamente coloridas, inúmeros aspectos da cultura nacional, seja pelo retrato do universo do trabalho e do trabalhador, das festas e brincadeiras populares ou pela diversidade e sincretismo religioso do País. A artista é a única brasileira a ter uma obra – “Santana de Pé” – exposta no Museu do Vaticano.

“A importância dessa exposição, tanto para mim, como para todos os envolvidos em sua realização, está no fato de podermos compartilhar publicamente nosso pensamento sobre a artista por meio da união de diversos pesquisadores dedicados à memória de Djanira, além de ser uma grande oportunidade de adentrarmos mais profundamente no universo da artista”, explica Adrienne Firmo, curadora da exposição.

Djanira

Djanira Motta e Silva (1914-1979) foi uma artista que, apesar de ter tido algumas aulas com o pintor Emeric Marcier e de ter frequentado, por pouco tempo, o Liceu de Artes e Ofícios (RJ), foi quase sempre autodidata. Suas obras – marcadas por uma grande riqueza cromática, temas nacionais e uma inusitada mescla de figuração e geometrismos – escreveram Djanira na história da arte brasileira.

Serviço

Exposição: “Djanira – Pintora Descalça”

Abertura: 29 de julho de 2014 (terça-feira), a partir das 19h

Visitação: de 30 de julho a 28 de setembro de 2014 (quarta-feira a domingo)

Horário: das 9h às 18h

Local: CAIXA Cultural Salvador – Rua Carlos Gomes, 57, Centro – Salvador (BA)

Entrada franca

Informações: (71) 3421-4200

Classificação indicativa: livre

Redação do Jornal Grande Bahia
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 108641 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]