Governo fecha acordo com trabalhadores da EBDA para pagamento de ações trabalhistas

Governador Jaques Wagner finaliza disputa trabalhista com formalização de acordo.
Governador Jaques Wagner finaliza disputa trabalhista com formalização de acordo.
Governador Jaques Wagner finaliza disputa trabalhista com formalização de acordo.
Governador Jaques Wagner finaliza disputa trabalhista com formalização de acordo.

O Governo do Estado fez um acordo histórico para por fim à greve dos trabalhadores da Empresa Baiana de Desenvolvimento Agrícola (EBDA) ao assegurar o pagamento do passivo trabalhista dos dissídios coletivos dos anos 1997, 1999 e 2003, no valor de R$ 90 milhões. O montante será pago, proporcionalmente, a 1.351 servidores do quadro efetivo da empresa. Vale ressaltar que em 2008 o governo incorporou o valor percentual de acréscimo de 30,8% nos salários dos empregados, referentes às perdas salariais acumuladas ao longo dos anos.

Na proposta final, o pagamento para os trabalhadores com menores valores a receber, até R$ 70 mil bruto, será feito de forma integral no próximo mês de agosto. A medida contempla 127 funcionários. Para os demais empregados com valores superiores, o pagamento será parcelado em 59 meses.

“Esse é um momento histórico para a EBDA. O Governo do Estado, após 17 anos, acolhe as reivindicações da categoria. A nossa postura sempre foi a de diálogo porque pensamos na sociedade e nos agricultores familiares”, afirma o diretor presidente da EBDA, Elionaldo de Faro Teles.

O acordo também prevê a reestruturação da EBDA, outra reivindicação antiga dos trabalhadores. Para isso, o Governo do Estado vai instituir, após assinatura do acordo, uma comissão mista formada por representantes da empresa, dos trabalhadores e da Secretaria Estadual da Administração, para elaborar uma proposta de reestruturação.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 109913 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]