Feirenses lamentam morte de Jorge Prudente

Jorge Antônio Prudente da Silva Fraga, era coronel aposentado e coordenava a Defesa Civil de Feira de Santana.
Jorge Antônio Prudente da Silva Fraga, era coronel aposentado e coordenava a Defesa Civil de Feira de Santana.
Jorge Antônio Prudente da Silva Fraga, era coronel aposentado e coordenava a Defesa Civil de Feira de Santana.
Jorge Antônio Prudente da Silva Fraga, era coronel aposentado e coordenava a Defesa Civil de Feira de Santana.

Representantes de diversos segmentos organizados da sociedade lamentaram a morte do coordenador da Defesa Civil de Feira de Santana, o coronel da reserva do Corpo de Bombeiros Jorge Antônio Prudente da Silva Fraga, aos 68 anos. Ele faleceu às 17h30min desta sexta-feira, 18, no Hospital Emec, onde estava internado desde segunda-feira, 14, vítima de complicações cardiorrespiratórias, e foi sepultado na tarde deste sábado (19/07/2014), no Cemitério Jardim Celestial.

Jorge Prudente deixou a esposa, Marlúcia da Silva Gonçalves, e a filha Eloá Takacy Prudente. “Desenvolvia o trabalho por amor e sempre pedia para nunca deixar que o impedissem de trabalhar. E assim foi até os últimos dias sempre trabalhando em defesa de seus ideais e da segurança da população. E deixa saudade pelo carinho, respeito, afeto e companheirismo com que conquistou muitos amigos”, frisou a esposa.

Para o secretário de Prevenção à Violência e Promoção dos Direitos Humanos (Seprev), Mauro Moraes, a passagem de Jorge Prudente deixa uma imensa lacuna na sociedade. “O coronel deixa o legado de conhecimento e de defesa que conseguiu transferir ao Corpo de Bombeiros. E justamente por isso sempre teve todos os reconhecimentos da corporação. É também uma perda inestimável para a Defesa Civil, onde exercia importante papel como coordenador em seu dia-a-dia, tendo como preocupação principal preservar vidas”, afirmou.

O vice-prefeito Luciano Ribeiro observou a obsessão do coronel em servir a população através daquilo que talvez seja uma das maiores necessidades dos grandes centros urbanos, que é o Corpo de Bombeiros. “Assim vi e acompanhei sua luta para implantar a corporação na cidade. Também vi neste homem público um cidadão digno, honesto, decente e dedicado à causa publica”.

Era membro da Academia de Letras e Artes de Feira de Santana. “Foi um homem que marcou a história do Corpo de Bombeiros nesta cidade como seu idealizador e primeiro comandante. Além disso, um grande amante das artes, da literatura e da história dos povos, sendo colecionador de grandes obras literárias, de capacetes nacionais e internacionais do Corpo de Bombeiros e um dos maiores filatelistas da Bahia. Deixou um legado de solidariedade humana em todos os trabalhos que exercia”, ressaltou a historiadora Lélia Fernandes, membro da academia.

A irmã Lilian Beatriz Calazans Nascimento recordou que um dos sonhos de Prudente era a implantação de um museu do Corpo de Bombeiros, corporação à qual nutria uma grande paixão e que tanto lutou pela independência da Polícia Militar, conquista obtida recentemente. “Nos deixa como grande legado a sua preocupação com a segurança pública e o bem estar da população”, observou.

O ex-prefeito José Raimundo Pereira de Azevedo também lamentou o passamento do coronel e reconheceu a sua luta para implantação do Corpo de Bombeiros em Feira de Santana, durante o período de sua gestão, em 1996. “É uma perda grande para todos nós, tanto pela atuação na segurança pública como na cultura”, afirmou.

Apaixonado por quelônios, Jorge Prudente se tornou um dos maiores criadores de jabutis legalizados pelo Ibama.

Sempre preocupado com a integridade da comunidade, Prudente vinha desenvolvendo inúmeros projetos, sendo que um da Defesa Civil de Feira de Santana foi reconhecido pelo Ministério da Integração como o melhor a nível nacional. Resultou em projeto visando a captação de recursos da ordem de R$ 6 milhões para equipar a entidade”, recordou a engenheira civil Elenice Santana da Costa, da Defesa Civil.

Defensor da instalação de hidrantes na cidade, estava também desenvolvendo um levantamento das condições de funcionamento do equipamento em todos os pontos da cidade visando facilitar sua utilização em casos emergenciais, identificando os que estivessem em condições de funcionamento.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 120546 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.