Eleições 2014 – Bahia: Lídice da Mata, Eliana Calmon e Eduardo Campos recebem demonstrações de apoio popular no 2 de Julho

Eliana Calmon, Lídice da Mata e Eduardo Campos participam do 2 de Julho.Eliana Calmon, Lídice da Mata e Eduardo Campos participam do 2 de Julho.


Eliana Calmon, Lídice da Mata e Eduardo Campos participam do 2 de Julho.

Eliana Calmon, Lídice da Mata e Eduardo Campos participam do 2 de Julho.

Militantes do PSB comemoram o 2 de Julho em Salvador.

Militantes do PSB comemoram o 2 de Julho em Salvador.

Embaladas pelos acenos vindos das sacadas e das calçadas, abraços de populares, aplausos da multidão e pelos gritos de guerra da militância, as candidatas ao governo do Estado, Lídice da Mata, e ao Senado, Eliana Calmon, marcharam juntas no Cortejo do 2 de Julho, nesta quarta-feira, pelas ruas do Centro Histórico. “Estamos nos sentimos como uma seleção que está se preparando pra entrar em campo, estamos no aquecimento pra entrar em campo e buscar a vitória”, preconizou a senadora, ainda na largada do desfile, na Lapinha.

O cortejo socialista foi abrilhantado pela presença do presidente nacional do PSB, Eduardo Campos, candidato à presidência da República. Segundo Lídice, a presença do ex-governador pernambucano mostra que ele reconhece no 2 de Julho a importância na formação da identidade nacional e tem compromisso com a independência, a soberania e com a liberdade do povo brasileiro.

“O Brasil tem de ser devolvido aos brasileiros. É possível governar sem fisiologismo sem entrega de pedaços do País a setores atrasados da vida pública da mesma forma que foi possível acabar com a ditadura e com a inflação. Nós vamos provar que é possível fazer política com ética, no Brasil e na Bahia”, destacou Campos.

O neto de Miguel Arraes posou para fotos acenando com os dedos indicador e polegar a letra L de Lídice. Foi a senha para que simpatizantes da candidatura socialista ao governo do Estado da Bahia saudassem da mesma forma a passagem do cortejo. “Está aí uma mulher honesta”, gritava em meio à multidão, apontando para a senadora, o motorista de ônibus Joceval Bispo de Almeida, 42. “Quando prefeita Lídice teve de lutar contra o Governo do Estado e fez uma administração que deu prioridade ao social”, acrescentou, lembrando um dos episódios mais marcantes da história do cortejo, que foi a discussão da então prefeita de Salvador com o ex-governador Antonio Carlos Magalhães, quando ele tentava furar a fila e passar à frente de Lídice com sua comitiva.

“Lídice tem uma bonita história como prefeita e como parlamentar. Tenho uma admiração profunda pelo trabalho que ela fez e continua fazendo pela Bahia”, declarou a pedagoga Anália Novais Brasil, 42, após tirar fotos ao lado da senadora com um grupo de amigas.

O funcionário público Sergio Cordeiro, 29, diz que acompanha a trajetória de Lídice desde que atuava no grêmio estudantil de sua escola, no ensino médio. “Foi a primeira prefeita e será a primeira governadora do Estado da Bahia”, completou o sociólogo Josenildo Souza Santos, 40.

Para o designer gráfico Raimundo Souza Santos, 57, mais conhecido como Mundão, Lídice tem uma vida pública ilibada e todos os predicados para ser governadora da Bahia. “Sua história política a credencia a disputar qualquer cargo público na Bahia e no Brasil”.

Lídice agradeceu o carinho da população e a garra dos militantes, que a acompanharam pelo percurso desde às 8h até às 13h, e lembrou a importância da participação popular na festa da data magna da Bahia.

“É o momento da confraternização da Bahia com o seu ideário. O 2 de Julho não foi um luta só dos baianos, mas do povo brasileiro, pois o exercito dos periquitos lutou com a presença de mineiros, sergipanos, pernambucanos e alagoanos sob a liderança do povo baiano. Nós assumimos nosso papel de liderança política do Nordeste, de um povo que deu seu sangue pela liberdade e independência do Brasil”, resumiu a senadora.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Redação do Jornal Grande Bahia
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]