Ao desistir da reeleição, deputado Carlos Gaban cita Rui Barbosa, fala em elevados custos de campanha e de como a corrupção está impregnada no estado da Bahia

Carlos Gaban cita Rui Barbosa: “De tanto ver triunfar as nulidades; de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça. De tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra e a ter vergonha de ser honesto”.
Carlos Gaban cita Rui Barbosa: “De tanto ver triunfar as nulidades; de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça. De tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra e a ter vergonha de ser honesto”.
Carlos Gaban cita Rui Barbosa: “De tanto ver triunfar as nulidades; de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça. De tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra e a ter vergonha de ser honesto”.
Carlos Gaban cita Rui Barbosa: “De tanto ver triunfar as nulidades; de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça. De tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra e a ter vergonha de ser honesto”.

Um dos mais brilhantes políticos baianos, Carlos Ricardo Gaban, deputado estadual pelo Democratas da Bahia, comunica através de carta, encaminhada a redação do Jornal Grande Bahia, hoje (17/06/2014), a desistência à reeleição. O parlamentar informa que pretende concluir o atual mandato até o último dia, honrado compromisso assumido com o povo baiano.

“Com grande tristeza e profunda decepção diante das minhas limitações, sinto-me pequeno diante do volume e das forças crescentes da impunidade e corrupção em nosso Estado, que insistem avançar livres e desenfreadas, numa absurda e inconcebível inversão de valores.”, expressa Carlos Gaban.

Motivos

Carlos Gaban cita como fatores determinantes para deixar de concorrer a um novo mandato o significativo aumento da impunidade e da corrupção na Bahia. Ele também faz uma crítica velada aos organismos de controle do Estado, a exemplo do Ministério Público, lembrando que diversas denúncias não foram devidamente apuradas, e as poucas que foram julgadas, não tiveram sentença cumprida.

O deputado relembra denúncias de favorecimento de empresas que prestavam serviço ao Governo da Bahia, com significativo incremento do faturamento em ano eleitoral, e de como partidos são cooptados para apoiar projetos de manutenção de poder.

Gaban surpreende ao apresentar a incompatibilidade entre os elevados custos de campanha, R$ 2.6 bilhões, e os valores auferidos pelo deputado através de salários, R$ R$ 1.042 bilhão. Destacando uma contabilidade financeira que não fecha.

O deputado emociona ao citar Rui Barbosa: “De tanto ver triunfar as nulidades; de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça. De tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra e a ter vergonha de ser honesto”.

Gaban é um pensador da direita, do liberalismo econômico. A tensão entre o pensamento de esquerda, cuja centralidade está no bem-estar do ser humano, em contrafação ao pensamento de direita, com centralidade nos meios de produção, faz com que a sociedade e o Estado possam aprimorar-se. Neste processo, Gaban desempenha um imprescindível papel, alertado para os excessos do Estado, e para o necessário aprimoramento da máquina pública.

Confira o teor da carta

Carta aberta à população – Exposição de motivos pra desistência de candidatura | Por Carlos Gaban

Baixe

Carta do deputado Carlos Gaban informando sobre desistência de reeleição

Biografia de Carlos Ricardo Gaban

Redação do Jornal Grande Bahia
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 108614 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]