256 mil contratos do Programa Minha Casa Minha Vida foram celebrados na Bahia. Presidenta Dilma Rousseff promete 3º fase do programa

Jaques Wagner e Dilma Rousseff durante entrega de habitações na Bahia. Estado da Bahia é o terceiro colocado em investimentos federais para habitação através do PMCMV.Jaques Wagner e Dilma Rousseff durante entrega de habitações na Bahia. Estado da Bahia é o terceiro colocado em investimentos federais para habitação através do PMCMV.
Jaques Wagner e Dilma Rousseff durante entrega de habitações na Bahia. Estado da Bahia é o terceiro colocado em investimentos federais para habitação através do PMCMV.

Jaques Wagner e Dilma Rousseff durante entrega de habitações na Bahia. Estado da Bahia é o terceiro colocado em investimentos federais para habitação através do PMCMV.

Mapa do Brasil com números do Programa PMCMV por estado.

Mapa do Brasil com números do Programa PMCMV por estado.

A Bahia ficou em terceiro lugar na contratação de unidades habitacionais através do Programa Minha Casa Minha Vida, as informações são do Palácio do Planalto. Foram contratados, até 30 de abril de 2014, 256.430 unidades para a Bahia, em primeiro lugar ficou São Paulo com 606.093, e em segundo lugar Minas Gerais com 332.443 unidades habitacionais.

A presidenta Dilma Rousseff destacou, durante discurso, os investimentos federais em habitação: “Com o Minha Casa Minha Vida acabamos com esse apagão habitacional que existia no Brasil. Milhares de famílias em condições precárias, morando de favor ou pagando prestações que quase não cabiam no bolso.”.

Dilma ainda avaliou que entre os méritos do programa está a autonomia que ele proporciona às mulheres: “O programa foi aprovado no Congresso Nacional, dando prioridade para as mulheres no registro da casa, reconhecendo um fato: as mulheres são muito importantes quando se trata de famílias, de mulheres, de filhos.”

As afirmações foram reveladas durante evento no Amapá, ontem (23/06/2014), oportunidade em que a presidenta comentou sobre a implementação da terceira etapa do programa habitacional, antecipando que o lançamento do programa deve ocorrer entre os dias 1º e 2 de julho de 2014.

Minha Casa Minha Vida

Lançado em 2009 pelo governo federal, o programa subsidia a aquisição da casa/apartamento próprio para famílias com renda até R$ 1,6 mil e facilita as condições de acesso ao imóvel para famílias com renda até R$ 5 mil. Para isso, o governo federal disponibilizou, na segunda etapa do Minha Casa Minha Vida, um total de R$ 125,7 bilhões, entre subsídio e linhas de financiamento.

Em sua segunda fase, o programa prevê a construção de 2 milhões de unidades habitacionais até o fim de 2014, das quais 60% voltadas para famílias de baixa renda. O programa entregou 1,6 milhão de unidades habitacionais a famílias de baixa renda.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Redação do Jornal Grande Bahia
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]