Seminário na Uefs discute a origem dos escândalos políticos no Brasil

Vista aérea do Campi da Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS).Vista aérea do Campi da Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS).
Vista aérea do campi da Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS). (Foto: Carlos Augusto | Jornal Grande Bahia)

Vista aérea do campi da Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS). (Foto: Carlos Augusto | Jornal Grande Bahia)

No momento em que a democracia brasileira completa 30 anos, um evento fará reflexões acerca do escândalo político brasileiro. Temas como “A mentira na política”, “A imprensa no mensalão” e “Na Filosofia Política, o que faz escândalo?” serão abordados durante o 1º Seminário sobre genealogias do escândalo político no Brasil democrático. O evento ocorrerá no dia 29 de maio, na Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs).

As atividades serão iniciadas às 13h30, no Auditório do Módulo 7, com as sessões de comunicações orais. Já a Conferência de Abertura será às 18 horas, no Auditório Central. Às 19 horas, no mesmo local, os participantes acompanharão a mesa-redonda que terá como tema “Justiça, Comunicação e Ética” com os seguintes palestrantes: Heverton Gisclan Neves (Defensoria Pública da União), Marcelo Penteado (Folha de São Paulo) e Guilherme Castelo Branco (Universidade Federal do Rio de Janeiro – UFRJ).

O evento é uma parceria entre o Programa de Pós-graduação Lato Sensu em Filosofia (PPGFil), Núcleo Interdisciplinar de Estudos e Pesquisas em Filosofia (NEF) e o Grupo de Estudos em Filosofia Francesa Contemporânea (Gestuffranco). Conta, ainda, com o apoio da Fapesb, Capes e OAB, Subseção Feira de Santana.

Mais informações, pelo e-mail [email protected] ou no blog do Seminário: .

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Redação do Jornal Grande Bahia
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]