Governador Jaques Wagner inaugura em Maracás a primeira mineradora de vanádio das Américas

Governador Jaques Wagner inaugura mineradora de Vanádio em Maracás.
Governador Jaques Wagner inaugura mineradora de Vanádio em Maracás.
Governador Jaques Wagner inaugura mineradora de Vanádio em Maracás.
Governador Jaques Wagner inaugura mineradora de Vanádio em Maracás.
Mineradora de Vanádio em Maracás é inaugurada.
Mineradora de Vanádio em Maracás é inaugurada.

A primeira mineradora de vanádio das Américas foi inaugurada nesta quarta-feira (21/05/2014), com a presença do governador Jaques Wagner, em Maracás, sudoeste da Bahia. A previsão é criar dois mil empregos diretos e indiretos, sendo que a maior parte da mão de obra é local. A estimativa dos investidores é que, para cada emprego gerado direta ou indiretamente pela mineradora, até sete postos de trabalho sejam criados na região, impactando substancialmente nos negócios e na renda da população local.

“Tenho muito orgulho de participar desta história e de contribuir para a implantação da primeira mina de vanádio das Américas. Esta empresa vai dinamizar a economia do estado e do município, gerando emprego e renda. Os trabalhadores baianos são dedicados e tenho certeza que a direção da empresa vai se orgulhar da mão de obra”, afirmou o governador Jaques Wagner.

A planta baiana, que teve um investimentos de R$ 555 milhões, possui capacidade para produzir até nove mil toneladas por ano de pentóxido de vanádio. A matéria prima é utilizada, principalmente, em indústrias de aços especiais nas áreas de óleo e gás, materiais cirúrgicos, turbinas eólicas e ferrovias de alta velocidade. A produção é exportada para mercados da Europa, Estados Unidos, Coréia do Sul e Japão.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 112625 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]