Criação da UFNB repara dívida histórica com o povo do nordeste da Bahia, afirma deputado Joseildo Ramos

Joseildo Ramos: “Estamos tratando de uma região que tem revelado grandes figuras a exemplo de Antonio Conselheiro, Maria Feijó e o imortal da Academia Brasileira de Letras, Antonio Torres. A criação desta universidade vai reparar uma dívida histórica com o nosso povo e temos que nos orgulhar de participar dessa construção coletiva”.
Joseildo Ramos: “Estamos tratando de uma região que tem revelado grandes figuras a exemplo de Antonio Conselheiro, Maria Feijó e o imortal da Academia Brasileira de Letras, Antonio Torres. A criação desta universidade vai reparar uma dívida histórica com o nosso povo e temos que nos orgulhar de participar dessa construção coletiva”.
Joseildo Ramos: “Estamos tratando de uma região que tem revelado grandes figuras a exemplo de Antonio Conselheiro, Maria Feijó e o imortal da Academia Brasileira de Letras, Antonio Torres. A criação desta universidade vai reparar uma dívida histórica com o nosso povo e temos que nos orgulhar de participar dessa construção coletiva”.
Joseildo Ramos: “Estamos tratando de uma região que tem revelado grandes figuras a exemplo de Antonio Conselheiro, Maria Feijó e o imortal da Academia Brasileira de Letras, Antonio Torres. A criação desta universidade vai reparar uma dívida histórica com o nosso povo e temos que nos orgulhar de participar dessa construção coletiva”.

O deputado estadual Joseildo Ramos (PT), presidente da Comissão de Constituição e Justiça, afirmou nesta quarta-feira (07/05/2014), durante audiência pública na Câmara de Vereadores de Alagoinhas, que a criação da UFNB vai reparar uma dívida histórica com o povo que vive na messoregião nordeste do estado. “Estamos tratando de uma região que tem revelado grandes figuras a exemplo de Antonio Conselheiro, Maria Feijó e o imortal da Academia Brasileira de Letras, Antonio Torres. A criação desta universidade vai reparar uma dívida histórica com o nosso povo e temos que nos orgulhar de participar dessa construção coletiva”, disse.

A audiência em Alagoinhas foi requerida pelo vereador Luciano Sérgio (PT), e é mais uma atividade da série de mobilizações que estão ocorrendo nos quatro territórios que serão diretamente beneficiados com a nova instituição de ensino: Litoral Norte/Agreste Baiano, Bacia do Rio Jacuípe, Semiárido Nordeste II e Sisal. Também presente no evento, o reitor da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Paulo Gabriel Nacif, lembrou o déficit na oferta de vagas em nível superior na região e destacou o modelo pensado pela equipe de elaboração do projeto para a UFNB. “Esta deverá ser uma universidade multicampi, que atenda os anseios da população e respeite as vocações de cada território. A proposta prevê ainda os colégios universitários que podem ser instalados nas cidades com população acima de 20 mil habitantes”, concluiu. Participaram da audiência centenas de estudantes, professores, gestores escolares, sindicalistas e representantes do poder público local.

Mobilização em Salvador

As atividades de mobilização pela criação da UFNB continuam nesta quinta-feira (08), em Salvador, onde os prefeitos dos 74 municípios da região vão se reunir com deputados, senadores, secretários estaduais e os membros da equipe de mobilização para discutirem o projeto que será entregue ao Ministério da Educação. Na sexta-feira (09), é a vez da Assembleia Legislativa da Bahia receber os debates em torno da UFNB, com uma audiência pública de autoria do deputado Joseildo Ramos. Caravanas de dezenas de municípios, além das lideranças políticas do estado são aguardadas para o evento.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 115112 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.