Cachoeira celebra 177 anos de emancipação

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Vista aérea de Cachoeira. (Foto: Carlos Augusto | Jornal Grande Bahia)
Vista aérea de Cachoeira. (Foto: Carlos Augusto | Jornal Grande Bahia)
Vista aérea de Cachoeira. (Foto: Carlos Augusto | Jornal Grande Bahia)
Vista aérea de Cachoeira. (Foto: Carlos Augusto | Jornal Grande Bahia)

Considerado Monumento Nacional e tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) desde 1971, o município de Cachoeira, no Recôncavo Baiano, comemora, nesta quinta-feira (13/03/2014), 177 anos de emancipação, com programação intensa que segue até domingo (16). Para celebrar a data, será realizada, no palco da Feira do Porto, na orla da cidade, uma festa regada a muito samba de roda e atrações como Psirico, Seu Maxixe, Sine Calmon e Mariene de Castro, dentre outras.

Nesta quinta-feira (13), a programação tem início às 18h com o Samba de Roda Filhos do Caquende, Samba de Roda de Dona Dalva, Mariene de Castro e Samba de Primeira. Já na sexta-feira (14), o público confere, a partir das 20h, a apresentação do Samba de Crioulo, Partido Ponto Com, Juninho Cachoeira e Psirico.

A comemoração segue no sábado (15), também às 20h, com diversas atrações como Sedução do Prazer, Axé Mais, Nenho e Seu Maxixe. No domingo (16), último dia de festa, haverá o Festival de Bandas e Fanfarras da Bahia, das 10h às 20h, seguido da apresentação da banda Brotou Samba e do cantor de reggae Sine Calmon, natural do município.

Cidade Histórica – Localizada no Recôncavo Baiano, Cachoeira desempenhou um importante papel nas guerras pela Independência da Bahia, fato que lhe rendeu o epíteto de Cidade Histórica. Localizada há 109 quilômetros de Salvador, Cachoeira é cercada pelo Rio Paraguaçu, e foi a última província brasileira a conseguir libertar-se de Portugal. Além da importância histórica, a magia do sincretismo religioso, forte na região, faz da cidade um dos principais destinos étnico- afros do Estado.

Serviço | Programação:

Quinta-feira (13)

18h – Samba de Roda Filhos do Caquende

20h – Samba de Roda de Dona Dalva

22h – Mariene de Castro

00h – Samba de Primeira

Sexta-feira (14)

20h – Samba de Crioulo

22h – Partido Ponto Com

00h – Juninho Cachoeira

02h – Psirico

Sábado (15)

20h – Sedução do Prazer

22h – Axé Mais

00h – Nenho

02 – Seu Maxixe

Domingo (16)

10h às 20h – Festival de Bandas e Fanfarras da Bahia

20h – Brotou Samba

22h – Sine Calmon

Como chegar

Partindo de Salvador pela BR-324, por 59 quilômetros, até o entroncamento da BA-026, percorrer mais 11 quilômetros até Santo Amaro. A partir desta cidade, seguir para Cachoeira pela mesma BA-026, por mais 38 quilômetros.

Outra opção é seguir pela BR-324 até o viaduto que dá acesso à BR-101 e continuar até a Barragem de Pedra do Cavalo para, então, descer até Cachoeira.

Banner do Governo da Bahia: Campanha 'Aqui é trabalho', veiculada nesta sexta-feira (04/11/2021).
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 114831 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]