Projeto de combate ao abuso de álcool e drogas da deputada Graça Pimenta é aprovado

Projeto de combate ao abuso de álcool da Deputada Graça Pimenta é drogas aprovado na ALBA.
Projeto de combate ao abuso de álcool da Deputada Graça Pimenta é drogas aprovado na ALBA.
Projeto de combate ao abuso de álcool da Deputada Graça Pimenta é drogas aprovado na ALBA.
Projeto de combate ao abuso de álcool da Deputada Graça Pimenta é drogas aprovado na ALBA.

A aprovação do projeto de Lei nº 20.685/2013, de autoria da deputada estadual Graça Pimenta (PMDB), que obriga as unidades de saúde pública ou privada a comunicarem ao Conselho Tutelar, pais e/ou responsáveis legais os atendimentos médicos prestados aos menores de idade por consumo de álcool e/ou drogas, foi tema de pronunciamento proferido pela mesma na tribuna da Assembleia Legislativa (AL) nesta terça-feira (04/02/2014).

“É com muita alegria e honra que volto a esta tribuna para dar continuidade a um mandato parlamentar pautado em ouvir o povo e buscar o melhor para toda a população baiana, em especial para aqueles que mais precisam. Este ano, sem dúvidas, está sendo mais atarefado do que os outros. Durante praticamente todo o mês de janeiro, quando deveríamos estar em recesso, para ter um contato maior com a população, estávamos aqui, discutindo as proposições do Executivo e aquelas apresentadas por nós. Neste período tive a honra de ter um projeto de Lei aprovado neste plenário. Agradeço a todas as deputadas e aos deputados por reconhecerem a importância deste projeto para o nosso Estado”, declarou a parlamentar.

Segundo Graça Pimenta, vive-se um momento de criminalidade muito grande na sociedade. “É muito comum estes crimes estarem associados à droga, seja ela o álcool, a cocaína ou qualquer outra forma. As drogas tem um poder de destruição muito grande. Elas prejudicam quem as utiliza, a própria família e toda a população. Acredito que, quando a Lei em questão entrar em vigor, iremos prevenir o aumento da incidência do alcoolismo e do uso de outras drogas, a exemplo do crack, principalmente pela juventude baiana, parcela social comumente mais vulnerável ao uso da droga. Muitos crimes sobre os quais temos notícias são cometidos por jovens que buscam na criminalidade uma forma de sustentar seus vícios”, enfatizou.

Estudos da Organização Mundial de Saúde (OMS) dão conta de que uma em cada quatro crianças de 9 anos já provou alguma bebida alcoólica e que 29% dos adolescentes de 15 anos bebem toda semana. A Pesquisa Nacional de Saúde do Escolar (PeNSE 2012), realizada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), aponta que mais de 310 mil jovens que residem nas capitais já experimentaram drogas ilícitas.

“Muitas vezes as famílias não têm conhecimento da conduta que os seus jovens têm na rua, com os amigos. Através da proposta vai ser possível alertar os responsáveis legais por crianças e adolescentes, além do Conselho Tutelar, para que tomem as providências cabíveis na resolução do problema, tirando o jovem de um meio que só vai lhe causar danos. O mal que a droga causa a toda sociedade é apenas um dos problemas aos quais temos que combater. Temos sérios problemas em diversas áreas, como as de Saúde e Educação, essenciais ao progresso e bem-estar de um povo. Neste ano vamos continuar lutando pelo melhor para a nossa população”, finalizou Graça Pimenta.

Redação do Jornal Grande Bahia
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 108298 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]