Obra do Aeroporto de Feira de Santana passa por vistoria

Carlos Geilson e Zé Neto durante inspeção do aeroporto de Feira de Santana.
Carlos Geilson e Zé Neto durante inspeção do aeroporto de Feira de Santana.
Carlos Geilson e Zé Neto durante inspeção do aeroporto de Feira de Santana.
Carlos Geilson e Zé Neto durante inspeção do aeroporto de Feira de Santana.

Reforma nos banheiros, construção da nova sala de desembarque, guichês e fachada. O novo Aeroporto João Durval Carneiro, em Feira de Santana, vem sendo modelado. Este foi o cenário visto durante visita do deputado estadual Zé Neto (PT), realizada nesta sexta-feira (21/02/2014).

O líder do governo na Assembleia Legislativa esteve acompanhado do deputado estadual Carlos Geilson (PTN); de engenheiros da UTC Participações e da SINART (Sociedade Nacional de Apoio Rodoviário e Turístico Ltda) – empresas responsáveis e detentoras da concessão para realização das obras do aeroporto; técnicos do Departamento de Infraestrutura de Transportes da Bahia (Derba); da Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Energia Transportes e Comunicação da Bahia (Agerba); além da imprensa local.

Para Zé Neto, Feira de Santana terá um grande equipamento de transporte de cargas e passageiros e acredita que o aeroporto dará seus primeiros passos ainda este ano. “Eu peço que tenhamos a capacidade de abraçar o aeroporto. O início é o mais importante para gente. Tenho certeza que com a ampliação da pista e construção dessas primeiras condições adequadas à decolagem de aeronaves, a caminhada terá início ainda este ano”, disse o deputado.

Segundo o gerente do aeroporto, Valmir Andrade, o espaço já tem 60% das obras concluídas e estão previstas ainda a requalificação da iluminação do pátio, instalação do alarme e detectores de metais, estando a finalização das obras marcada para o mês de abril.

Pista de decolagem

Com relação a pista de decolagem, o gerente informou que ela será adequada a aeronave estipulada pelas empresas que tenham interesse em operar vôos no aeroporto. “Quando esta estrutura estiver pronta, a empresa aérea vai enviar um representante para avaliar as intervenções que fizemos. Estando tudo dentro do esperado, ela dará entrada junto a ANAC (Agência Nacional de Aviação Civil) para operar os vôos”, explicou. Ele ainda destacou as intervenções em andamento, como a sinalização, recuperação de trincas e reordenação de curvas, além da terraplanagem ao final da pista de pouso e colocação de grama.

Diante da proposta apresentada pelo aeroporto, a aeronave mais adequada é a ATR 72, com capacidade para até 70 passageiros.

Sala de embarque e desembarque

“A infraestrutura do saguão está adequada para atender as demandas de um vôo diário, como a quantidade de passageiros, por exemplo. Conforme for aumentando a demanda, o espaço será ampliado”, assegurou Geraldo Luz, coordenador de obras da UTC, em relação aos questionamentos feitos pela imprensa em relação ao tamanho da sala de embarque e desembarque.

O coordenador ainda informou que a concessão das empresas UTC e SINART é de 30 anos, e que a etapa atual – aeroporto adequado à realização de vôos de até 70 passageiros – ainda é a primeira das quatro previstas no projeto.

Aeroporto tem liberação para vôos comerciais e regulares a partir de abril

A visita foi realizada após anúncio da Anac acerca da liberação do Aeroporto para realizar vôos regionais, a partir do mês de abril.

Segundo os técnicos da UTC, a companhia Azul Linhas Aéreas tem conversado mais diretamente com a empresa, os governos do Estado e Municipal, sobre o interesse em operar vôos no Aeroporto João Durval Carneiro.

Feira pode ser beneficiada com investimentos no setor aeroportuário

O deputado Zé Neto ainda informou aos visitantes sobre a inclusão de Feira de Santana no plano anunciado, no final de 2013, pela presidenta Dilma. O pacote prevê 7,3 bilhões de reais em recursos do Fundo Nacional de Aviação Civil (Fnac) para destinar a 270 aeroportos pequenos, que servem cidades com população inferior a um milhão de habitantes, que é o caso de Feira de Santana.

“A presidenta Dilma tem planos para investimentos no setor aeroportuário e Feira está inclusa neste projeto, que permite que recursos federais sejam empregados na ampliação de aeroportos de vôos regionais, que é nosso caso”, ratificou.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 110932 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]