ALBA: Oposição denuncia redução de investimento e aumento em custeio no Orçamento 2014 do Estado

Paulo Azi: “É lamentável que o governo utilize a maior parcela do Orçamento para despesas de custeio, bancando uma máquina inchada e ineficiente e deixando de priorizar investimentos em setores essenciais”.
Paulo Azi: “É lamentável que o governo utilize a maior parcela do Orçamento para despesas de custeio, bancando uma máquina inchada e ineficiente e deixando de priorizar investimentos em setores essenciais”.

A proposta Orçamentária do Executivo para o exercício de 2014, em tramitação na Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA), vem recebendo duras críticas da bancada de Oposição, sobretudo por reduzir os recursos para investimento em cerca de  R$ 400 milhões, correspondendo a 8,66% em relação ao orçamento aprovado para 2013.

“É lamentável que o governo utilize a maior parcela do Orçamento para despesas de custeio, bancando uma máquina inchada e ineficiente e deixando de priorizar investimentos em setores essenciais”, indignou-se o deputado Paulo Azi, presidente estadual do Democratas, informando que ao propor aplicação de mais recursos em custeio o governo ignora as necessidades e os anseios da população, uma vez que reduz a programação de investimentos em importantes áreas como a de infraestrutura, educação, saúde e turismo.

Redação do Jornal Grande Bahia
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 106788 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]