José Carlos Aleluia fala sobre disputa eleitoral e cita nomes das oposições

José Carlos Aleluia diz que 2013 é ano de governar e campanha só em 2014.
José Carlos Aleluia diz que 2013 é ano de governar e campanha só em 2014.
José Carlos Aleluia diz que 2013 é ano de governar e campanha só em 2014.
José Carlos Aleluia diz que 2013 é ano de governar e campanha só em 2014.

“2013 é um ano de dedicação ao governo para que o cidadão perceba a maneira diferente de o Democratas governar. Nossos exemplos de gestão pública responsável e comprometida com as pessoas são ACM Neto em Salvador e José Ronaldo em Feira de Santana”, disse o secretário municipal de Urbanismo e Transporte, José Carlos Aleluia, ao ser indagado sobre a sucessão estadual pelo jornalista Samuel Celestino, em entrevista à rádio Tudo FM, no início da tarde desta terça-feira (29/10/2013).

Para Aleluia, a campanha deve começar no ano que vem e a oposição tem nomes conhecidos e experientes para a disputa, como o dele próprio, do ex-governador Paulo Souto e do prefeito José Ronaldo pelo Democratas, além  de Geddel Vieira Lima pelo PMDB e João Gualberto pelo PSDB. “Devo confessar que vontade e determinação não me faltam para encarar o desafio da eleição governamental do ano que vem, mas admito também que meu nome jamais será um empecilho à união das oposições. Defendo uma candidatura oposicionista única e consensual”.

Ao ser questionado sobre projeto de governo, Aleluia destacou a necessidade de recuperar a paz no estado. “Sem paz não há condição de progresso. A violência atinge níveis que prejudicam o desenvolvimento econômico e social. Qualquer governo precisa trazer segurança para as pessoas e as famílias. O governador tem que ser o comandante de uma ação conjunta e firme de combate ao crime, com o apoio do Poder Judiciário, Poder Legislativo, Ministério Público, Governo Federal e municípios”.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 111167 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]