Deputado Carlos Geilson critica falta de ação efetiva na segurança pública e na saúde da Bahia

Carlos Geilson: "Bahia é o quarto em homicídios no Brasil"
Carlos Geilson: "Bahia é o quarto em homicídios no Brasil"
Carlos Geilson: "Bahia é o quarto em homicídios no Brasil"
Carlos Geilson: “Bahia é o quarto em homicídios no Brasil”

A Bahia ocupou o quarto lugar em homicídios do Brasil em 2012, com 40,7 por 100 mil habitantes, bem acima da média nacional, que foi de 25,8. Em 2011, o estado registrou uma taxa de 38,7 homicídios por 100 mil habitantes e em 2010, a Bahia ocupava o 7º lugar em homicídios nessa mesma faixa de habitantes, segundo dados preliminares do Mapa da Violência de de 2012. De acordo com a pesquisa encomendada pela Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp), o Brasil teve o maior número de assassinatos desde 2008.

“O governo da Bahia vem fazendo propagandas afirmando que a Bahia avançou no quesito Segurança Pública, mas estamos percebendo que o avanço foi ao contrário. O que de fato acontece nas ruas desse estado é que nós estamos perdendo a guerra para a violência. Este é o segundo estado da Federação em que mais se rouba carros”, afirmou o deputado estadual Carlos Geilson (PTN).

Para o parlamentar, apesar do secretário de Segurança Púbica, Maurício Barbosa, ser operoso, os números estão comprometendo sua administração. “Os números desmentem as propagandas feitas pelo governo e confirmam a nossa preocupação. Mas, o que é mais preocupante é que não é apenas a segurança pública que vai mal”, frisou.

Saúde – O deputado Carlos Geilson convidou o secretário de Saúde, Jorge Solla – que foi homenageado na Assembleia Legislativa nesta segunda-feira (4) – para visitar os hospitais da Bahia. “O secretário poderia começar visitando o Hospital Clériston, que reflete a realidade da saúde na Bahia. Queria que o secretário percorresse os corredores para ver com seus próprios olhos as pessoas amontoadas a espera de atendimento. A saúde da Bahia está enferma, está na UTI.

Para Geilson, para que a situação caótica em que a Bahia está inserida seja resolvida é necessário investimento do Poder Executivo. “O secretário e os diretores dos hospitais podem até ter boa vontade, mas se não há investimento de lá de cima, não adianta de nada”, salientou.

Redação do Jornal Grande Bahia
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 108641 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor[email protected]