Deputado Carlos Geilson é favorável ao fim da reeleição para presidente da Alba e diz que deputados não recebem adicional por extraordinárias

Carlos Geilson: “Eu sou a favor do fim da reeleição. Agora faço uma ressalva, sou a favor do fim da reeleição dentro da legislatura, porque essa legislatura, por exemplo, vai acabar no início de 2015. Ora, quem preside a Casa nos últimos dois anos uma de legislatura, caso consiga a reeleição, no meu entender está apto a disputar outra eleição para presidente”.
Carlos Geilson: “Eu sou a favor do fim da reeleição. Agora faço uma ressalva, sou a favor do fim da reeleição dentro da legislatura, porque essa legislatura, por exemplo, vai acabar no início de 2015. Ora, quem preside a Casa nos últimos dois anos uma de legislatura, caso consiga a reeleição, no meu entender está apto a disputar outra eleição para presidente”.
Carlos Geilson: “Eu sou a favor do fim da reeleição. Agora faço uma ressalva, sou a favor do fim da reeleição dentro da legislatura, porque essa legislatura, por exemplo, vai acabar no início de 2015. Ora, quem preside a Casa nos últimos dois anos uma de legislatura, caso consiga a reeleição, no meu entender está apto a disputar outra eleição para presidente”.
Carlos Geilson: “Eu sou a favor do fim da reeleição. Agora faço uma ressalva, sou a favor do fim da reeleição dentro da legislatura, porque essa legislatura, por exemplo, vai acabar no início de 2015. Ora, quem preside a Casa nos últimos dois anos uma de legislatura, caso consiga a reeleição, no meu entender está apto a disputar outra eleição para presidente”.

O fim da reeleição para presidente da Assembleia Legislativa da Bahia está prestes a entrar em pauta de votação dos parlamentares baianos. Em pronunciamento, na Tribuna nesta quarta-feira (23/10/2013), o deputado estadual Carlos Geilson (PTN) se posicionou sobre o assunto e também comentou sobre a PEC que prevê o fim do pagamento pelas convocações extraordinárias, como durante o recesso parlamentar.

“Eu sou a favor do fim da reeleição. Agora faço uma ressalva, sou a favor do fim da reeleição dentro da legislatura, porque essa legislatura, por exemplo, vai acabar no início de 2015. Ora, quem preside a Casa nos últimos dois anos uma de legislatura, caso consiga a reeleição, no meu entender está apto a disputar outra eleição para presidente”, explicou o parlamentar.

Sobre a PEC que prevê o fim do pagamento das sessões extraordinárias, o deputado foi bastante categórico. Ele afirmou que desde que assumiu o cargo parlamentar nunca recebeu pelas sessões extras, e tem conhecimento de que nem os deputados que fizeram parte da Comissão Extraordinária para Acompanhar a Privatização dos Cartórios, que precisaram viajar no recesso, não receberam por isso.

“Desde que entrei nesta Casa não caiu sequer um real extra na minha conta. Esse pagamento na prática não existe há muito tempo. No entanto, jogam para a imprensa como se nós estamos recebendo pelas sessões extraordinárias, o que não acontece. Não admito que um deputado queira posar de moralizador, e ainda joga para a torcida como se os demais deputados são aproveitadores do dinheiro público”, frisou Geilson.

De acordo com Geilson, é importante que fique bem claro para a sociedade baiana que nesta legislatura não foi pago nenhum adicional pelas sessões extraordinárias. Ele pontuou que é favorável ao não pagamento desse adicional, se porventura vier a acontecer.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 111059 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]