Aberta inscrições para VI Bienal de Jovens Criadores da CPLP

VI Bienal de Jovens Criadores da CPLP.
VI Bienal de Jovens Criadores da CPLP.

VI Bienal de Jovens Criadores da CPLP.
VI Bienal de Jovens Criadores da CPLP.

As inscrições para VI Bienal de Jovens Criadores da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) podem ser feitas até 1º de outubro de 2013 pelo site. O evento, que acontece em dezembro na capital baiana, é promovido pela Secretaria Nacional de Juventude (SNJ), em parceria com as secretarias estaduais de Relações Institucionais (Serin), através da Coordenação de Políticas de Juventude (Cojuve), e de Cultura (Secult).

O objetivo é contribuir para a integração e construção de novos caminhos para a formação cidadã das juventudes dos países que integram a CPLP – Portugal, Angola, Moçambique, Timor Leste, Cabo Verde, São Tomé e Príncipe, Brasil e *Guiné-Bissau, por meio da troca entre as diferentes identidades culturais e das políticas públicas voltadas para o segmento. Esta é a primeira edição realizada no Brasil. A próxima está agendada para 2015, em Moçambique.

Critérios – Para participar, os jovens brasileiros devem ter idade entre 18 e 30 anos e inscrever projetos relacionados às seguintes linguagens artísticas: Artes Visuais; Arte Digital; Artes Integradas; Audiovisual; Circo; Dança; Música; Teatro; Literatura; e Artes Aplicadas. No caso de espetáculos, o limite de idade de encenadores e coreógrafos é de 35 anos. Serão selecionados até 40 trabalhos.

*Guiné –Bissau está suspensa da CPLP desde 2012. Sua participação será confirmada de acordo com a orientação da Comissão Permanente da Bienal dos Jovens Criadores da CPLP.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Carlos Augusto 9605 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).